Andreia Falcão e Miguel Valadas voltam a ser os melhores da Remax

Os agentes da loja do Parque das Nações faturaram mais de um milhão de euros. E até já tiveram de arranjar mais pessoas para a equipa.

Andreia Falcão e Miguel Valadas foram os melhores vendedores da Remax em 2015, conseguindo mais de um milhão de euros em comissões, disse ao Dinheiro Vivo a CEO do grupo, Beatriz Rubio.

A equipa de agentes - que são também marido e mulher - recuperaram, assim, a marca atingida em 2013, depois de o ano passado terem sido superados pela dupla Paulo Dias Fernandes e João Paulo Almeida, também eles da Remax do Parque das Nações, a mesma onde trabalham Andreia e Miguel.

Tal como em 2013, foram novamente os compradores estrangeiros que mais contribuíram para que a equipa atingisse esta meta.

"Temos estado muito direcionados para o mercado internacional, não só chineses, mas também franceses e muito árabes. Tivemos muitas solicitações de árabes durante o ano passado", disse Andreia Falcão ao Dinheiro Vivo.

De acordo com a agente, os árabes estão "maioritariamente à procura de visto gold, mas gastam mais do que os 500 mil euros exigidos para o obter, e não procuram só casas mas também imóveis para rentabilidade como lojas, por exemplo".

Para Andreia e Miguel, atingir novamente esta distinção de melhor vendedor é mais um marco na carreira e prova de que estão a trabalhar bem, mas dado o volume de trabalho e de comissões conseguidas, os agentes da Remax decidiram pedir ajuda e alargar a equipa.

"Estivemos três anos a fazer isto tudo sozinhos. É um volume muito grande de trabalho e percebemos que precisávamos de ajuda. Se não o fizéssemos era de doidos. O ano passado já arranjámos uma pessoa para dar apoio e para este ano fomos buscar mais duas pessoas", contou Andreia.

Ou seja, em 2016, a equipa de Andreia Falcão e Miguel Valadas cresceu e passou a ter cinco pessoas em vez de duas. "Tinha de ser assim para conseguirmos manter este ritmo", confessou ao Dinheiro Vivo.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de