Tecnologia

Apple vai reduzir em 200 pessoas equipa de carros autónomos

Foto: REUTERS/Aly Song
Foto: REUTERS/Aly Song

Há anos que a Apple trabalha num projeto de veículos autónomos. Uma reestruturação na equipa vai agora reduzir o número de colaboradores.

A notícia foi avançada pelo site CNBC, que indica que estas mudanças vão chegar até 200 funcionários. Através de um comunicado, a Apple confirmou as alterações, referindo que estes colaboradores vão ser integrados noutros projetos dentro da empresa.

A empresa da maçã refere que os trabalhadores da equipa Titan vão “prestar apoio noutras iniciativas de aprendizagem automática, em toda a Apple”. Esta reestruturação estará a ser levada a cabo depois de uma mudança nos responsáveis que gerem este projeto.

Leia também | A solução da Apple para melhorar os mapas? Andar a pé

Segundo a imprensa internacional, serão cinco mil os funcionários ligados à equipa de veículos autónomos da Apple. No ano passado, alguns analistas de mercado já davam conta de que o carro da Apple poderia chegar às estradas entre 2023 e 2025.

 

Alegadamente, a Apple já teria mais de 50 carros autónomos em teste no estado da Califórnia, segundo refere o site Mac Reports, citando o Departamento de Veículos Motorizados da Califórnia. Segundo o New York Times, desde 2016, já terão sido “centenas” os funcionários que abandonaram este projeto da Apple.

Leia mais sobre tecnologia em insider.dn.pt

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Ministro da Economia Pedro Siza Vieira, no Roteiro Automóvel, visitou a PSA e conduziu um dos carros fabricados em Mangualde.  (João Silva / Global Imagens )

Governo quer choque elétrico nas fábricas de automóveis

Ana Jacinto, secretária-geral da Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) antes de uma entrevista, esta manhã nos estúdios TSF.
(Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Ana Jacinto. Hotelaria e restauração precisam de mais de 40 mil trabalhadores

despedimentos coletivos

Despedimentos coletivos voltam a subir em 2019 e arrasam no Norte

Apple vai reduzir em 200 pessoas equipa de carros autónomos