banca

BCP reduz participação na Reditus

Reditus

O Banco Comercial Português (BCP) passou a deter 14,98% do capital social da Reditus e 15,24% dos direitos de voto.

O Banco Comercial Português (BCP) passou a deter 14,98% do capital social da Reditus e 15,24% dos direitos de voto, segundo um comunicado enviado esta segunda-feira à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

“Na sequência da alienação em bolsa, no dia 16 de outubro de 2018, de 5.000 ações da Reditus — Sociedade Gestora de Participações Sociais, S.A. pelo BCP ao preço médio de 0,0920 euros, passaram a ser imputáveis ao Banco Comercial Português, S.A., 2.192.210 ações, representativas de 14,975% do capital social da Reditus […] a que corresponde 15,24% dos direitos de voto”, lê-se na informação remetida ao mercado.

De acordo com a estrutura acionista da Reditus, consultada esta segunda-feira pela Lusa na página na internet da empresa, o BCP detinha 16,51% do capital social.

Na sessão desta segunda-feira da bolsa, o BCP perdeu 1,25% para 0,25 euros.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Trump Xi China

Trump ameaça China. “Não precisamos deles, esta é uma grande oportunidade”

Emmanuel Macron, presidente francês. Fotografia: Direitos Reservados

Fogos na Amazónia: França e Irlanda ameaçam bloquear acordo com Mercosul

O ministro do Ambiente e da Transição Energética, João Pedro Matos Fernandes, intervém durante uma conferência de imprensa para fazer o ponto de situação sobre a crise energética, no Ministério do Ambiente e da Transição Energética, em Lisboa, 13 de agosto de 2019. JOÃO RELVAS / LUSA

Ministro do Ambiente: “Há cada vez mais condições” para que greve não aconteça

Outros conteúdos GMG
BCP reduz participação na Reditus