Patrocínios

BPI é o novo patrocinador da Seleção Nacional

(DR)
(DR)

Instituição liderada por Pablo Forero substitui Novo Banco, apoiante da Seleção Nacional desde 2002

O Banco Português de Investimento é o novo patrocinador da Seleção Nacional e o contrato estará em vigor nos próximos quatro anos. A instituição liderada por Pablo Forero substitui, assim, o Novo Banco, cuja ligação à Seleção data de 2002.

A notícia foi avançada pelo jornal Eco, que dá conta que o contrato, que será hoje assinado, estará em vigor até 2022. Os valores envolvidos não são conhecidos. O novo patrocinador será dado a conhecer na conferência de imprensa agendada pela Federação Portuguesa de Futebol para as 15h00, na qual estará presente Sara Sampaio, a manequim que dá a cara pelo BPI na mais recente campanha do banco, mas que se associou, também, ao movimento ‘Conquista o sonho’ lançado pela federação com o objetivo de motivar os portugueses no apoio à Seleção no Mundial da Rússia.

O Dinheiro Vivo tentou, sem sucesso, obter comentários junto da Federação Portuguesa de Futebol, do BPI e do Novo Banco.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje

Estado ‘devolve’ em deduções 60% do Adicional ao IMI que cobra

Amoreira Óbidos

Espanha desapareceu do mapa e França descobriu o velho oeste português

António Mexia  (EDP) durante a cerimonia de assinatura de financiamento por parte do Banco Europeu de Investimento (BEI) da Windfloat Atlantic. Um projecto de aproveitamento do movimento eólico no mar ao largo de Viana do Castelo.
(Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

EDP quer exportar tecnologia do maior parque eólico flutuante do mundo

Outros conteúdos GMG
BPI é o novo patrocinador da Seleção Nacional