Central Solar do Sado terá tecnologia Siemens

As renováveis são uma das áreas de foco da Siemens em Portugal, onde está a acompanhar 20 projetos de norte a sul. A central do Sado vai ter capacidade para abastecer cerca de seis mil habitações

A Siemens está a acompanar mais de 20 projetos de solar fotovoltaico no país, um setor em "grande dinamismo". É caso da nova Central Solar do Sado, o projeto da Tecneira que está em construção próximo do Carvalhal, no concelho de Alcácer do Sal, que vai contar com tecnologia Siemens. Com mais de 28 mil painéis solares fotovoltaicos espalhados por uma área de 40 hectares, a central, que entrará em funcionamento em maio de 2021, terá capacidade para produzir 29.484 MWh de energia por ano, o suficiente para abastecer 6.000 habitações.

Em termos de consumo médio, estima-se que a nova central será suficiente para satisfazer os consumos energéticos de quase metade do concelho de Alcácer do Sal, refere a empresa em comunicado.

A Siemens vai fornecer diversas tecnologias à Central Solar do Sado, incluindo os inversores de corrente centralizados e o sistema global de gestão de energia, também conhecido por Power Plant Controler, que permite conferir uma maior estabilidade e eficiência à infraestrutura. A empresa vai ainda fornecer o posto de seccionamento do parque fotovoltaico e o sistema de proteção, comando e controlo para interligação à rede.

"A utilização de energias renováveis em Portugal continua a crescer a um ritmo considerável e as centrais de produção fotovoltaica não são exceção, uma vez que evitam emissões de CO2 para a atmosfera e são cada vez mais competitivas. Contudo, a sua utilização também coloca alguns desafios à rede. As tecnologias que vamos fornecer para a Central Solar do Sado vão conferir-lhe um melhor rendimento energético e permitir fazer uma integração mais inteligente desta infraestrutura na rede elétrica", refere, no comunicado, Rui Leal, da Smart Infrastructure da Siemens Portugal.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de