CEO do BCP: "África é importante para Portugal"

O novo presidente executivo do BCP acredita no potencial da operação que o banco tem em Angola e no crescimento da economia angolana.

Miguel Maya, novo presidente executivo do BCP, acredita no potencial da operação que o banco tem em Angola e no crescimento da economia angolana, destacando ainda que o continente africano é importante para Portugal.

O gestor escusou-se a comentar a atualidade política em Angola, com clima de conflito entre a nova liderança do regime e Isabel dos Santos, filha do ex-presidente angolano.

"Acredito muito no potencial da operação em Angola", sublinhou na conferência de apresentação dos resultados do banco, no final de tarde desta quinta-feira, em Lisboa. O BCP África tem 22,5% do Banco Millennium Atlântico.

"África é importante para Portugal", destacou.

O BCP tem como principal acionista a chinesa Fosun e tem a angolana Sonangol como segundo acionista de referência.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de