CGD anuncia emissão de dívida 'sustentável' de 500 milhões

O banco público inicia esta sexta-feira o lançamento de uma emissão de dívida sénior preferencial, com o prazo de 6 anos, a colocar nos mercados internacionais "brevemente".

A Caixa Geral de Depósitos (CGD) anunciou esta sexta-feira o início do lançamento de uma emissão de dívida 'sustentável', no montante de 500 milhões de euros, que será colocada "brevemente" nos mercados internacionais.

A emissão de dívida sénior preferencial tem uma maturidade de 6 anos, adianta o banco público num comunicado.

Segundo a CGD, esta emissão sustentável "direciona os fundos captados para o financiamento de operações de crédito dos seus clientes nos domínios ambientais e do desenvolvimento socioeconómico".

"Tratar-se-á da primeira emissão com estas características realizada por um banco Português, e será um marco importante na concretização dos compromissos assumidos pela CGD no domínio do financiamento sustentável, criando valor para os seus clientes e reduzindo o impacto ambiental da sua atividade", salienta a CGD.

Explica que "a emissão permitirá endereçar oito Objetivos de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas que vão da eficiência energética à geração de emprego em áreas menos favorecidas".

No âmbito da sua estratégia, a Caixa "quer ser líder" no apoio à transição das empresas portuguesas para uma dimensão mais sustentável, através da disponibilização de linhas de financiamento.

Em 2020, em termos da oferta de produtos que contribuem para a transição para uma economia de baixo carbono, o banco estatal concedeu um montante de financiamento na ordem dos 526 milhões de euros.

A Caixa alcançou ainda 4 mil milhões de euros de fundos de investimento mobiliário com critérios ESG (environmental, social and corporate governance, traduzindo-se em ambiental, social e de governo).

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de