CGD perde 418 trabalhadores desde janeiro

No último ano, a Caixa perdeu um total de 916 trabalhadores no âmbito do cumprimento do plano estratégico acordado com Bruxelas.

No primeiro semestre de 2018 saíram 418 trabalhadores da Caixa Geral de Depósitos (CGD) e o banco encerrou 65 balcões.

O banco público tem vindo a implementar um plano estratégico acordado com Bruxelas em 2016 que prevê, nomeadamente, a redução do número de trabalhadores, o encerramento de balcões.

No último ano, a Caixa perdeu um total de 916 trabalhadores.

Paulo Macedo, presidente executivo do banco estatal, afirmou, esta sexta-feira, que até ao final do ano o número de trabalhadores a sair da Caixa pode oscilar mas "ficará sempre de acordo com o que era o objetivo negociado desde o início".

"Até ao final do ano deverão sair as cerca de 200 que faltam", disse Paulo Macedo.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de