CGD. TC pede declarações de rendimento, banco não comenta

Equipa da CGD tem agora 30 dias para entregar as declarações ou justificar a recusa, diz o Negócios. Banco público, contactado, não comenta

O Tribunal Constitucional notificou esta quarta-feira a administração da Caixa Geral de Depósitos (CGD), liderada por António Domingues, para que entregue as suas declarações de rendimento e património.

A informação foi inicialmente avançada pelo Negócios, tendo sido confirmada pela agência lusa junto de fonte oficial do Tribunal Constitucional. O TC dá 30 dias para que os documentos sejam apresentados ou uma eventual recusa seja justificada.

A administração da CGD tem defendido que os seus membros não estão obrigados a entregar a declaração devido à exceção prevista do Estatuto do Gestor Público e podem avançar com a renúncia aos cargos.

Contactada pelo Dinheiro Vivo, a Caixa Geral de Depósitos preferiu não fazer quaisquer comentários.

Notícia atualizada às 15h, com confirmação pelo Constitucional.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de