CMVM pede ao Governo designação de novo administrador para substituir João Gião

A presidente da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) anunciou hoje que pediu ao ministro das Finanças aa bertura do procedimento para designação de um membro do Conselho de Administração, na sequência da saída de João Gião.

Em comunicado, a CMVM indica que "a presidente do Conselho de Administração da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários solicitou ontem ao ministro de Estado e das Finanças a abertura do procedimento para a designação de um membro do Conselho de Administração, na sequência da renúncia ao cargo, por motivos familiares, do vogal João Gião".

De acordo com a mesma fonte, "João Gião regressa ao Mecanismo Europeu de Estabilidade, uma organização intergovernamental criada em 2012, sediada no Luxemburgo, destinada a assegurar a estabilidade financeira na Zona Euro".

João Gião assumiu o cargo de vogal do Conselho de Administração da CMVM em 01 de janeiro de 2017, com responsabilidade pelas áreas jurídica, de investigação e de supervisão de emitentes e de mercados, tendo liderado desde março de 2017 o Comité de Convergência de Supervisão (Supervisory Convergence Standing Committee) da Autoridade Europeia dos Valores Mobiliários e dos Mercados (ESMA).

No comunicado, a presidente da CMVM, Gabriela Figueiredo Dias, agradece o "valioso contributo" de João Gião para o "processo de modernização e transformação da CMVM que está em curso, a favor de um regulador e supervisor do mercado de capitais guiado pelos melhores padrões internacionais e com uma atuação focada no risco e ao serviço dos investidores e de um mercado financeiro eficiente e transparente".

Por sua vez, João Gião destaca que sai "com o sentimento de dever cumprido e ainda mais convicto do papel fundamental, ainda que, por si só, insuficiente, da CMVM na afirmação do mercado de capitais nacional como alternativa efetiva no financiamento da economia".

"A CMVM continuará o processo de modernização e reorganização que tem vindo a desenvolver ao longo dos últimos anos, prosseguindo a sua missão de proteção dos investidores e de promoção da integridade, estabilidade e desenvolvimento do mercado", pode ler-se no documento.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de