financiamento

Cofundador do PayPal investe na dona do portal ComparaJá

Fotografia: AP/Michael Sohn
Fotografia: AP/Michael Sohn

Plataforma europeia sedeada em Portugal prepara-se para lançar novos serviços durante o primeiro trimestre deste ano

O grupo Compare Europe, que detém o portal português ComparaJá, obteve um financiamento de 20 milhões de euros em série A. A plataforma que compara produtos financeiros no nosso país há quase dois anos contou com Peter Thiel, um dos fundadores do sistema de pagamentos PayPal, como um dos principais investidores nesta operação, hoje tornada pública.

“A série A permite investir no produto e divulgar melhor o serviço junto da população, através da comunicação nos meios de comunicação social e em campanhas realizadas na Internet e noutro tipo de plataformas. Queremos estar no top-10 em termos de notoriedade em Portugal”, refere Sérgio Pereira, diretor-geral da ComparaJá, em declarações ao Dinheiro Vivo.

Além de um dos fundadores do PayPal, esta ronda de investimento contou com a participação de investidores como Mark Pincus, fundador da Zynga, produtora que criou o jogo FarmVille, além de fundos de investimento como o suíço ACE & Company e os chineses da família de Li Ka-shing – homem mais rico de Hong Kong; também da região chinesa investiram os fundos Nova Founders Capital e Pacific Century Group.

O Compare Europe Group, que está sedeado em Portugal desde meados do ano passado, conta com uma equipa de cerca de 100 pessoas e fornece serviços para países como Portugal, Finlândia, Noruega, Dinamarca e Bélgica.

Dedicada ao portal ComparaJá está uma equipa de 20 pessoas, que apoia os portugueses na escolha do crédito pessoal e do cartão de crédito. Até ao final do primeiro trimestre serão lançados novos serviços, como um comparativo para a escolha do crédito à habitação e dos serviços de telecomunicações. Até ao final de junho deverá ser apresentado uma ferramenta para comparar o seguro automóvel. “Queremos que as pessoas venham, à cabeça, ter connosco”, diz Sérgio Pereira.

A plataforma é 100% gratuita e não tem qualquer publicidade. É financiada através de um pagamento (fee) por cada referência, momento em que o consumidor é transferido da plataforma para as páginas das instituições que têm parcerias com o portal de comparação de preços.

A equipa do ComparaJá tem sido reforçada nos últimos meses com a entrada de José Figueiredo, que saiu da gestora de fundos Oxy Capital, e de Miguel Mamede, que conta com 19 anos de experiência na área dos seguros e com passagens em empresas como Crédito Agrícola Seguros e AXA, que passou para os belgas da Ageas, em abril do ano passado.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Lisboa

Comprar para arrendar. Estou a fazer um bom negócio?

O presidente executivo do BPI, Pablo Forero (E), acompanhado pelo presidente não executivo, Fernando Ulrich (D), à chegada para a conferência de imprensa após a assembleia-geral de acionistas na Fundação de Serralves no Porto, 26 de abril de 2017. ESTELA SILVA/LUSA

BPI com prejuízos de 122,3 milhões no primeiro trimestre

Donald Trump. Fotografia: Scott Morgan / Reuters

Casa Branca apresentou proposta de reforma

Outros conteúdos GMG
Conteúdo Patrocinado
Cofundador do PayPal investe na dona do portal ComparaJá