fitness

Conheça a marca portuguesa de roupa de fitness que faz sucesso lá fora

A Botton esteve na Convenção de Aveiro
A Botton esteve na Convenção de Aveiro

No stand da Botton na Convenção Manz Fitness os clientes acotovelam-se para verem as roupas em promoção. A feira anual que decorre na convenção, em Aveiro, é uma boa oportunidade para comprar roupa desportiva com grandes descontos. Para a Botton, é uma maneira de se promover junto do público que mais interessa.

“Sempre tivemos uma filosofia de não partir para o estrelato. Nunca usámos celebridades para promover os nossos produtos”, conta Hélder Cruz, filho do dono da marca portuguesa de moda fitness. Um perfil mais discreto, que não tem impedido a marca de crescer.

Fundada em 1992, a Botton está presente na Convenção de Fitness da Manz em Aveiro desde a primeira edição, precisamente nesse ano. Na 19ª Convenção, mais de três mil profissionais e praticantes de fitness passaram por Aveiro. Um boa montra para a marca inteiramente desenhada e fabricada em Portugal, num mercado com poucas referências e onde a Susana Gateira é, sem dúvida, a mais conhecida.

Hélder Cruz revela que as vendas estão a crescer perto de 10% em 2012 e isso deve-se ao grande investimento de promoção na internet e nas exportações, que já começaram.

“Estamos a crescer em clientes e já exportamos para Angola e outros”, adianta o responsável. Por enquanto, diz, toda a produção é feita nas fábricas da empresa em Vila do Conde. “Mas se continuarmos a crescer assim, vamos ter de encomendar produção fora.”

Para o próximo ano, a empresa pretende aumentar o número de lojas físicas em Portugal. Tem uma no Ginásio Academia de Artes do Porto, no Bom Sucesso, e outra no Complexo do Fluvial, também no Porto. A ideia em 2013 é abrir uma terceira loja no Norte e fazer a primeira incursão em Lisboa.

Entretanto, a loja online é uma grande aposta, com catálogo completo, versões em inglês e espanhol e acesso a promoções. É aqui que está a chave da internacionalização da marca, a celebrar 20 anos em 2013.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Alexandre Fonseca, presidente da Altice Portugal (Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Altice sobre compra TVI. “Estado perdeu 200 milhões num ano”

Alexandre Fonseca, presidente da Altice Portugal (Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Altice sobre compra TVI. “Estado perdeu 200 milhões num ano”

Combustíveis

Petróleo sobe em flecha. “Não haverá impacto perturbador nas nossas algibeiras”

Outros conteúdos GMG
Conheça a marca portuguesa de roupa de fitness que faz sucesso lá fora