Corretora Freedom Finance está a apostar em Portugal

A corretora online vai entrar no mercado português em setembro, com o objetivo de conquistar 10 mil clientes até ao final do ano e aproximá-los da Bolsa de Nova Iorque.

Conta já com centenas de clientes em Portugal mas a meta é terminar o ano de 2021 com 10 mil clientes no mercado português. A corretora Freedom Finance vai entrar no mercado nacional no próximo mês de setembro. Um dos objetivos é aproximar os investidores lusos da Bolsa de Nova Iorque, sobretudo para operações de ofertas públicas iniciais (IPO na sigla em inglês.)

"Vemos procura por parte de investidores portugueses e temos pelo menos algumas centenas de clientes em Portugal que já abriram conta na Freedom. Queremos contar a nossa história aos clientes portugueses", disse Timur Turlov, fundador e presidente executivo da corretora online. "Na Europa é impossível estar presente apenas em um país para fornecer serviços online", adiantou o jovem bilionário que, segundo a Forbes, tem uma fortuna na casa dos 2,5 mil milhões de dólares.

A corretora que fundou em 2008 está baseada no Cazaquistão, e registada em Chipre. Também está cotada em Nova Iorque. A empresa oferece os seus serviços através de uma plataforma online - a Freedom24 e garante a prestação de serviços através de "uma equipa de especialistas que fornecem todas as análises necessárias para a decisão mais sustentada dos investidores".

Turlov sustenta a entrada da corretora em Portugal neste momento, com a estratégia de expansão e crescimento da marca a nível europeu, mercado que não abrandou com a pandemia. A corretora apresenta-se como especialista em IPO e quer atrair investidores portugueses para as estreias em bolsa em Wall Street.

A Freedom pretende oferecer aos investidores portugueses a possibilidade de "rentabilizarem os seus investimentos em empresas e ações norte-americanas, além das europeias, anteriormente apenas disponíveis para grandes investidores, e hoje disponíveis a partir de um valor que começa em 2000 dólares".

"Num IPO típico, as ações pré-IPO têm sido tradicionalmente reservadas a investidores sofisticados ou instituições que têm acesso aos negócios, tendo os investidores mais pequenos de esperar até que a negociação se realize através de um mercado como a NYSE ou a LSE (London Stock Exchange)", afirmou o responsável da Freedom Finance. "Hoje em dia, a Freedom Finance já coloca a IPO também dos EUA ao dispor de pequenos e médios investidores portugueses, os quais antes não tinham esse acesso", salientou.

A corretora não descarta abrir escritório em Portugal. "Ainda não tomámos uma decisão mas quando o número de clientes em Portugal superar os 10 mil vamos decidir", afirmou o CEO da Freedom.

A sede e os escritórios da holding estão localizados nos EUA, Alemanha, Chipre, Rússia, Cazaquistão, Ucrânia, Uzbequistão.

A holding é regulada pela Comissão Americana de Valores Mobiliários (SEC), e a Freedom Finance Europe é regulada pela Comissão de Valores Mobiliários de Chipre. A corretora opera 96 escritórios em sete países e emprega cerca de 2500 colaboradores.

A Freedom Finance tem mais de 330 mil contas ativas e o volume de negócios de negociação ascendeu a 14 mil milhões de dólares em 2018.

Atualizada no dia 25 de agosto para acrescentar o último número sobre contas ativas de clientes da Freedom Finance e também o número de escritórios e de trabalhadores.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de