Crédito especializado aumentou 2,6 mil milhões no segundo trimestre

Os associados da ASFAC emprestaram 2,6 mil milhões de euros no segundo trimestre deste ano.

Os associados da ASFAC - Associação de Instituições de Crédito Especializado emprestaram 2,6 mil milhões de euros no segundo trimestre deste ano, mais 16,5% do que entre abril e junho de 2017, divulgou hoje a associação.

"Esta subida é também uma consequência da recuperação da capacidade financeira das famílias que, no caso dos associados da ASFAC, se reflete num bem de primeira necessidade: o automóvel", refere em comunicado a associação de crédito especializado.

O crédito para meios de transporte passou dos 506 milhões de euros no segundo trimestre de 2017 para 634 milhões no segundo trimestre deste ano, o que significa uma subida de 25,1%.

O destaque foi o dinheiro emprestado para automóveis ligeiros de passageiros usados, para compra dos quais foram emprestados 426,6 milhões de euros, mais 23,6% em termos homólogos.

O crédito aos meios de transporte representou 68,9% do total dos 920 milhões de euros concedidos no crédito clássico, um crescimento de 27,2% em relação ao segundo trimestre de 2017.

Além do crédito aos meios de transporte, o crédito clássico inclui, entre outros, empréstimos para lar, equipamento e crédito pessoal.

Já o crédito concedido a comerciantes para reposição de 'stocks' subiu 11% para 1.243 milhões de euros e o crédito 'revolving' (contrato em que é estabelecido um limite máximo de crédito que pode ser utilizado ao longo do tempo e reutilizado à medida que o saldo em dívida vai sendo reembolsado) aumentou 14% para 518 milhões euros.

A ASFAC indicou também hoje que, entre abril e junho, diminuiu o "número de particulares em incumprimento", considerando que isso significa que "o crescimento do crédito especializado está a ser feito de uma forma sustentada".

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de