correios

“CTT não prestam informação enganosa, nem mentem”, diz CEO da empresa

Francisco Lacerda.  JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA
Francisco Lacerda. JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

Presidente executivo dos CTT reage às acusações da Anacom, que acusou a empresa de divulgar informação enganosa sobre as reclamações.

“CTT não prestam informação enganosa, nem mentem”, garantiu Francisco Lacerda, CEO dos CTT, reagindo às acusações reiteradas esta quarta-feira pelo regulador do setor, a Anacom, de que a empresa prestou “informação enganosa” sobre as reclamações recebidas em 2018.

O CEO da empresa lembrou, durante a apresentação de resultados de 2018, “que os CTT seguem a norma europeia, a mesma que a Anacom utiliza e que engloba todas as entradas”.

A Anacom acusou os CTT de terem divulgado informação enganosa quando anunciaram a 13 de fevereiro que o volume de reclamações recebido no ano passado pela empresa tinha descido 7% e não subido mais de 30%, de acordo com os dados divulgados pelo regulador.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Lisboa-19/12/2019  - Conferencia de Antonio Mexia ,CEO da EDP. 
(PAULO SPRANGER/Global Imagens)

Chinesa CTG vende 1,8% da EDP

(A-gosto.com/Global Imagens).

PSD indisponível para viabilizar alteração à lei para aeroporto do Montijo

O ministro de Estado e das Finanças, Mário Centeno. JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

Novo Banco: Estado como acionista só dilui posição do Fundo de Resolução

“CTT não prestam informação enganosa, nem mentem”, diz CEO da empresa