inteligência artificial

DefinedCrowd quer contratar mais 70 pessoas para Lisboa e Porto

Daniela Braga lidera a DefinedCrowd, startup que recolhe dados para serem usados em máquinas com inteligência artificial. Fotografia: Orlando Almeida / Global Imagens
Daniela Braga lidera a DefinedCrowd, startup que recolhe dados para serem usados em máquinas com inteligência artificial. Fotografia: Orlando Almeida / Global Imagens

A DefinedCrowd ultrapassou os 80 colaboradores a nível global. A empresa de Daniela Braga quer contratar mais talento em Portugal.

A DefinedCrowd opera no mundo dos dados para a inteligência artificial, trabalhando nas áreas da fala, processamento de linguagem natural e visão computacional. No Mobile World Congress, em Barcelona, a empresa anunciou que quer continuar a expandir a equipa, com a contratação de mais 70 pessoas ao longo de 2019.

“Há uma grande procura de dados de alta qualidade e existe uma grande pressão para corresponder às expectativas. O nosso negócio está a crescer e estamos à procura de profissionais que queiram fazer a diferença na área da IA,” revela o COO Walter Benadof, em comunicado de imprensa. “Para conseguirmos dar resposta à procura, vamos duplicar a nossa equipa até ao final de 2019”, explicou na conferência de Barcelona, dedicada ao mercado mobile.

Já Daniela Braga, a fundadora e CEO da DefinedCrowd, refere que 2019 será um ano “crucial” pra a empresa. “Temos um objetivo bastante ambicioso, queremos ser a empresa número um de dados para IA no mundo. Este ano vai ser crucial para atingirmos este objetivo, à medida que vamos amadurecendo o nosso produto, crescendo a nossa base de clientes, e anunciando parcerias com empresas que estão a liderar os avanços da IA globalmente”.

A empresa está a recrutar colaboradores para as áreas de desenvolvimento, produto, marketing e operações, com vagas que vão desde software developers (nas áreas de frontend, backend e full stack), até engenheiros de automação e engenheiros de aprendizagem automática. As inscrições estão disponíveis no site da DefinedCrowd, sendo que estas posições serão maioritariamente para os escritórios de Lisboa e Porto.

Fundada em 2015, a DefinedCrowd tem como clientes empresas como a BMW, Mastercard, EDP, José de Mello Saúde ou a Yahoo Japan. Ao longo do tempo, o trabalho da empresa cresceu e já cobre mais de 70 línguas e dialetos.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Fotografia: Global Imagens

Preço das casas já recuperou das quedas da crise

Herbert Diess, presidente executivo do grupo Volkswagen..(EPA/JENS SCHLUETER)

Ainda há 17 mil automóveis do grupo Volkswagen por reparar

Fotografia: Mário Ribeiro

Antigo ministério da Educação vai ter 600 camas para estudantes

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
DefinedCrowd quer contratar mais 70 pessoas para Lisboa e Porto