Diogo Lacerda Machado e Esmeralda Dourado vão deixar a TAP

Diogo Lacerda Machado e Esmeralda Dourado apresentaram a demissão do Conselho de Administração da TAP, de acordo com o jornal online Eco. Saídas devem acontecer no final de abril.

Diogo Lacerda Machado e Esmeralda Dourado apresentaram a demissão do Conselho de Administração da TAP com efeitos a partir do final de abril, avança o jornal online Eco. Os responsáveis ainda devem assinar as contas de 2020, saindo depois.

O mandato do atual conselho de administração terminou em dezembro. Contudo, e dado que o plano de reestruturação está ainda a ser negociado em Bruxelas, a assembleia geral eletiva está atrasada, não havendo data ainda para a sua realização, o que precipitou o anúncio de saída destes dois gestores, com ou sem reunião de acionistas, diz o Eco.

Esta notícia surge depois de nos últimos dias a TAP ter revelado que ia aderir ao lay-off clássico. Numa comunicação interna, a companhia aérea explica aos funcionários que "do presente processo de 'lay-off' não resultará redução de remuneração para os trabalhadores para além da que resultar das reduções determinadas pelo(s) Acordo(s) de Emergência celebrados com as organizações sindicais".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de