Pesca

Docapesca lança campanha para promover o consumo de carapau

Carapau

A campanha de publicidade onde aparecem cinco atletas portugueses ligados aos desportos náuticos foi apresentada esta quinta-feira.

Foi apresentada esta quinta-feira, em Lisboa, a iniciativa “Carapau é boa onda!”. Da responsabilidade da Docapesca, e desenvolvida em conjunto com o Ministério do Mar, a campanha pretende promover o consumo de carapau.

Para além de Ana Paula Vitorino, Ministra do Mar, o evento contou com a presença de três dos cinco atletas que participaram no spot publicitário: Francisco Lufinha (Kitesurf), Hugo Vau (Surf) e Joana Pratas (Vela) partilharam a sua experiência e opinião sobre a campanha, enquanto os campeões mundiais Fernando Pimenta (Canoagem) e Teresa Almeida (Bodyboard) não puderam estar presentes.

Teresa Coelho, presidente do conselho de administração da Docapesca, destacou a importância do carapau para as comunidades piscatórias. A responsável da empresa pública referiu que a ideia era associar os desportos náuticos a um estilo de vida saudável e tentar alcançar um público mais jovem.

Em declarações ao Dinheiro Vivo, Teresa Coelho referiu ainda que “o carapau é uma espécie a promover”, na qual é possível “garantir a sustentabilidade do ponto de vista ambiental”, dado que “pode ser capturado sem haver um problema de stock“. A promoção do consumo de carapau também visa aumentar o rendimento dos pescadores.

Ana Paula Queiroga, da Docapesca, apontou duas palavras-chave para o projeto. Tradição, devido à ligação do consumo de carapau com a família e o convívio social, e Sustentabilidade, pela abundância de pescado, de forma a cumprir com os critérios de seleção de espécies. Ana Paula Queiroga relembrou ainda a origem portuguesa do carapau, o facto de não ser um produto gourmet e a sua versatilidade, comendo-se em todas as alturas do ano e de várias maneiras.

Os atletas, protagonistas das filmagens da campanha, reveem-se na iniciativa. Hugo Vau comparou o seu dia-a-dia no Surf com o consumo de carapau: “O sabor é tão intenso como surfar uma onda na Nazaré”, dizendo que pelo menos “tem mais Omega 3”. Joana Pratas, velejadora olímpica, valoriza a iniciativa pelo reconhecimento do mérito de atletas ao serviço de Portugal, que praticam “desportos ligados ao mar, amigos do ambiente”.

O resultado das filmagens, apelidadas na apresentação por “uma grande carapauzada”, vão ser mostrados nos três canais generalistas. Além disso, o projeto integra publicidade no exterior, materiais de promoção na restauração e uma forte presença nas redes sociais. Também é esperado o envolvimento dos participantes da campanha em debates, blogs, mercados municipais e escolas.

No encerramento do evento, a Ministra do Mar, Ana Paula Vitorino, felicitou a iniciativa pela sua capacidade de informar a população e de transmitir conhecimento e espera que chegue a “miúdos e graúdos”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Carlos Costa, Governador do Banco de Portugal. Fotografia: Gustavo Bom / Global Imagens

Carlos Costa avisa para riscos de euforia no mercado imobiliário

Faria de Oliveira, presidente da APB. Fotografia: Diana Quintela/Global Imagens)

Faria de Oliveira: Banca nacional teve legislação mais difícil que pares da UE

Imobiliário

Venda de casas subiu 20% no primeiro semestre

Outros conteúdos GMG
Docapesca lança campanha para promover o consumo de carapau