media

Dona da Comercial já tem nova liderança de marketing

Rádio Comercial assinala hoje 36 anos

Mudanças nas rádios surgem depois da saída de Rosa Cullell da liderança do grupo Media Capital

Manuel Simões de Almeida vai ser o novo responsável de marketing da Media Capital Rádios, a dona de estações como Comercial e a M80, apurou o Dinheiro Vivo.

Fonte oficial do grupo não comentou esta informação, mas o Dinheiro Vivo sabe que o profissional está de regresso à MCR para ocupar o cargo deixado em aberto por João Arbués Moreira, que transitou para a direção de marketing da TVI após a nomeação de Luís Cabral para CEO do grupo Media Capital.

Depois de vários anos como consultor de comunicação, Manuel Simões de Almeida retorna às rádios, agora sob a liderança de Salvador Bourbon Ribeiro, onde já tinha liderado o marketing entre 2010-2013, num momento em que a Comercial lidera as audiências de rádio com 18,5% de audiência acumulada de véspera (AAV), mais 0,1 pontos percentuais que a RFM. A MCR tem no acumulado das rádios uma AAV de 26,9%, valor abaixo do 27,1% registado pelo grupo Renascença Multimédia, de acordo com o mesmo estudo da Marktest.

Manuel Simões de Almeida tem um percurso ligado ao grupo Media Capital, em diversas áreas de negócio, em funções de liderança no marketing e operacional.

Foi diretor de marketing da Media Capital Edições (2001-2005), diretor de operações da MOP (2005-2010), diretor de marketing da MCR (2010-2013) cargo que acumulou durante algum tempo com o de direção de marketing da Media Capital Digital (2012-2014), passou pelo marketing da TVI.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
O presidente do Novo Banco, António Ramalho, discursa na cerimónia de lançamento do Projeto de Divulgação Cultural do Novo Banco. Fotografia: MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Banca custou ao Estado mais 1,5 mil milhões de euros em 2019, agora ajude

coronavirus portugal antonio costa

Proibidos ajuntamentos com mais de cinco pessoas. Aeroportos encerrados

O primeiro-ministro, António Costa, fala aos jornalistas no final da reunião do Conselho de Ministros após a Assembleia da República ter aprovado o decreto do Presidente da República que prolonga o estado de emergência até ao final do dia 17 de abril para combater a pandemia da covid-19, no Palácio da Ajuda, em Lisboa, 2 de abril de 2020. 
 MÁRIO CRUZ/POOL/LUSA

Mapa de férias pode ser aprovado e afixado mais tarde do que o habitual

Dona da Comercial já tem nova liderança de marketing