Telecomunicações

É oficial. Dona da PT dá pontapé de saída para entrada em Bolsa nos EUA

Patrick Drahi, fundador da Altice
Patrick Drahi, fundador da Altice

Termos da oferta ainda não são conhecidos, mas deverá servir para financiar compra de ativos de media e de banda larga nos EUA

A Altice, grupo dono da PT, deu entrada com o pedido de registo da Altice USA junto da SEC (Securities and Exchange Commission) para uma oferta pública inicial de ações classe A. O número de ações e o preço da oferta ainda não foram determinados, informou o grupo em comunicado.

Os bancos J.P. Morgan, Morgan Stanley, Citigroup e Goldman, Sachs & Co. são os bancos colocadores da oferta que ainda não obteve luz verde da SEC.

A Altice USA é a divisão do grupo de Patrick Drahi onde estão agrupados os ativos adquiridos nos Estados Unidos, como a Cablevision e a Suddenlink. Com esta oferta, que o grupo já tinha dado indicação em dezembro que podia dar seguimento, a Altice pretende aumentar a sua capacidade financeira para comprar ativos na banda larga e nos media neste mercado, justificou o grupo no documento entregue à SEC, noticia a Reuters.

Nos Estados Unidos a Altice, recorde-se, chegou a estar na corrida para a compra da Time Warner, ativo para o qual não avançou por considerar que iria representar um “crescimento bulímico” para o grupo. Depois da compra da Suddenlink, grupo avançou para a Cablevision. Mas compra de ativos de media faz parte a estratégia de crescimento do grupo.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Ricardo Mourinho Félix, Secretário de Estado Adjunto e das Finanças. 
( Filipa Bernardo/ Global Imagens )

“Cidadãos não vão tolerar situações que ponham estabilidade financeira em risco”

Ricardo Mourinho Félix, Secretário de Estado Adjunto e das Finanças. 
( Filipa Bernardo/ Global Imagens )

“Cidadãos não vão tolerar situações que ponham estabilidade financeira em risco”

Lisboa, 22/11/2019 - Money Conference, Governance 2020 – Transparência e Boas Práticas no Olissippo Lapa Palace Hotel.  António Horta Osório, CEO do Lloyds Bank

( Filipa Bernardo/ Global Imagens )

Horta Osório: O malparado na banca portuguesa ainda é “muito alto”

Outros conteúdos GMG
É oficial. Dona da PT dá pontapé de saída para entrada em Bolsa nos EUA