EasyJet

EasyJet procura pilotos na cidade do Porto

Em maio, a companhia aérea realiza dois "assessment days" no Porto, em busca de comandantes de linha aérea experientes.

A companhia aérea lowcost líder na Europa vai realizar dois dias de recrutamento de comandantes experientes, a 9 e 10 de maio, no Hotel Black Tulip, no Porto.

A easyJet procura candidatos com um mínimo de 4.000 horas totais de voo, um mínimo de 1.000 horas de voo em aeronaves A320 ou A330/340 e com qualificação Cat III. A companhia avança com números, estabelecendo um rendimento bruto anual de 147.255 euros, ao qual podem ser ainda somados bónus e outros incentivos.

No primeiro dia, entre as 08h30 e as 12h00, decorre uma sessão informal, aberta a todos os comandantes experientes, para dar a conhecer a equipa, as oportunidades e o estilo de vida na easyJet. Durante a tarde e no dia seguinte, os interessados devem fazer a pré-reserva para se submeterem a uma avaliação não técnica composta por entrevistas.

Ao longo dos dois dias de recrutamento serão realizadas 24 entrevistas (8 em cada sessão), sendo que a easyJet não especifica qual o número de vagas disponíveis.

Os assessment days decorrem no Porto, contudo a easyJet tem também posições disponíveis em Lisboa.

“Já transportámos mais de 10 milhões de passageiros em pouco mais de cinco anos e, com mais aeronaves a caminho, queremos continuar a apostar em pilotos talentosos e apaixonados para que, juntos, possamos explorar novas oportunidades e novas rotas”, afirma José Lopes, diretor da easyJet para Portugal.

O diretor da companhia ressalva que os candidatos selecionados terão acesso a formação de alta qualidade de modo a manter o “serviço de excelência”.

Os interessados devem aceder ao portal da easyJet para realizar as pré-reservas.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Trabalhos de descarga de contentores no Porto de Sines, 12 de fevereiro de 2020. TIAGO CANHOTO/LUSA

Exportações com quebra de 17% na primeira metade do ano

Isabel Camarinha, líder da CGTP, fala aos jornalistas após audiência com o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, no Palácio de Belém, em Lisboa, 30 de julho de 2020. (MIGUEL A. LOPES/LUSA)

CGTP. Governo nega complemento a quem esteve em lay-off sem justificação

spacex-lanca-com-sucesso-e-pela-primeira-vez-a-nave-crew-dragon-para-a-nasa

SpaceX lança 57 satélites para criar rede mundial de Internet de alta velocidade

EasyJet procura pilotos na cidade do Porto