EDP e Embraer vão testar avião elétrico no Brasil em 2021

Elétrica nacional e fabricante brasileira de aviões firmaram uma parceria para a pesquisa e desenvolvimento de um avião 100% elétrico.

A EDP e a Embraer vão testar um avião elétrico no Brasil em 2021. A elétrica e a fabricante de aviões comunicaram uma parceria na quinta-feira para a pesquisa e desenvolvimento de uma aeronave totalmente elétrica, segundo nota de imprensa.

Está prevista a investigação de um sistema de armazenamento e recarga de energia que vai usar um exemplar do avião agrícola EMB-203 Ipanema como modelo de testes. Já em desenvolvimento, este protótipo terá o seu primeiro voo de demonstração em 2021.

Para já, realizaram-se os primeiros ensaios, de avaliação primária das tecnologias de eletrificação, na unidade da Embraer de Botucatu, estado de São Paulo. Peso, eficiência e qualidade da energia, controlo e gestão térmica, ciclos de carregamento, descarga e segurança são alguns dos indicadores mais relevantes que estão a ser avaliados nesta operação.

"A EDP tem como propósito liderar a transição energética para uma economia de baixo carbono. Esta parceria com a Embraer no desenvolvimento do seu primeiro avião demonstrador de tecnologia de propulsão 100% elétrica representa uma nova fronteira do nosso investimento em mobilidade elétrica, contribuindo para posicionar o Brasil como um player de ponta neste mercado", refere o líder da EDP no Brasil, Miguel setas.

"É uma satisfação poder contar agora também com a EDP nessa frente de pesquisa científica para a construção de um futuro sustentável. A inovação é um dos pilares da nova estratégia da Embraer para os próximos anos", sustenta o vice-presidente de Engenharia e Estratégia Corporativa da Embraer, Luís Carlos Affonso.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de