Ambiente

EDP instala 50 pontos de carregamento de elétricos nos hotéis Vila Galé

Vila Galé Collection Elvas
Vila Galé Collection Elvas

Primeiros dois pontos de carregamento foram instalados em Elvas, na nova unidade do Grupo Vila Galé

O hotel Vila Galé Collection Elvas, inaugurado este sábado, terá dois pontos para carregamento de veículos elétricos. Mas em breve outros hotéis do grupo receberão carregadores nos seus parques de estacionamento. Os pontos de carregamento resultam de uma parceria entre o grupo fundado por Jorge Rebelo de Almeida e a EDP que elevará para 50 o número de pontos para carregar veículos elétricos.

“Estamos muito satisfeitos por continuarmos a encontrar parceiros que, tal como a EDP, acreditam que é preciso dar passos importantes para uma sociedade mais sustentável. Com esta parceria com o grupo Vila Galé, mais pessoas podem escolher deslocar-se em veículos elétricos e carrega-los de forma fácil e intuitiva”, adianta, em comunicado, Vera Pinto Pereira, presidente da EDP Comercial.

Já Gonçalo Rebelo de Almeida, administrador do grupo hoteleiro, assume que “a mobilidade elétrica é uma tendência e o número de clientes que tem carro elétrico é cada vez maior, por isso, faz todo o sentido equipar os nossos hotéis com estes postos, para que seja mais cómodo e rápido carregar os veículos”.

A recente parceria das duas empresas enquadra-se na estratégia da EDP de promoção da mobilidade elétrica que prevê o alargamento do número de pontos de carregamento da empresa na rede pública MOBI.E. Para os “próximos meses” a empresa pretende aumentar para 100 o número de pontos MOBI.E.

Desde que começou a apostar nesta área, já foram realizados mais de 59 mil carregamentos na infraestrutura de carregamento publico da EDP, o que permitiu carregar mais de 7200MWh e evitar a emissão de mais de 540 toneladas de CO2.

O hotel de Elvas é a primeira unidade que resulta da reabilitação de um edifício público no âmbito do programa Revive. Foi inaugurado este fim-de-semana e já está a receber turistas.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
boris johnson brexit

Brexit: Um acordo que responde “às circunstâncias únicas da Irlanda”

Álvaro Santos Pereira, ex-ministro da Economia, na comissão de inquérito do Parlamento sobre as rendas excessivas da eletricidade, Fotografia: MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Álvaro Santos Pereira ataca “corporativismo” de notários, advogados e arquitetos

Álvaro Santos Pereira, ex-ministro da Economia, na comissão de inquérito do Parlamento sobre as rendas excessivas da eletricidade, Fotografia: MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Álvaro Santos Pereira ataca “corporativismo” de notários, advogados e arquitetos

Outros conteúdos GMG
EDP instala 50 pontos de carregamento de elétricos nos hotéis Vila Galé