Efacec: Propostas vinculativas entregues até 19 de julho 

DST e Sing (Portugal), Chint Group Corporation (China), Elsedewy (Egito) e Iberdrola (Espanha) são os interessados na compra.

São cinco as empresas candidatas à compra dos 71,73% do capital da Efacec-Power Solutions SGPS detidos pelo Estado e que deverão, agora, entregar as propostas vinculativas até 19 de julho. O governo espera fechar o negócio durante o verão. Ângelo Ramalho não tece comentário sobre o tema.A construtora DST e a Sing-Investimentos Globais, empresa ligada à Sodécia, são os dois únicos candidatos portugueses que passaram à segunda fase de negociação, liderada pela Parpública, a par de três grupos estrangeiros: o Chint Group Corporation, da China, a Elsewedy, do Egito, e a espanhola Iberdrola. Pelo caminho ficaram cinco outros interessados, exclusão que o ministro da Economia, Siza Vieira, justificou com o incumprimento dos critérios mínimos de avaliação. O objetivo do governo é aprovar um investidor estratégico, com atividade industrial e, por isso, os fundos de investimento não foram acolhidos na segunda fase da reprivatização. Além disso, Siza Vieira admitiu que o Estado pretende privilegiar o investidor que dê maiores garantias de autonomia estratégica da Efacec e que apresente um plano operacional em que demonstre capacidade de contribuir para a economia nacional, e para as exportações, ao mesmo tempo que assegure a capitalização da Efacec.

Questionado sobre o processo, Ângelo Ramalho deixa claro que, "sendo esse um tema que diz respeito sobretudo ao seu acionista maioritário, Parpública, a empresa não tecerá qualquer comentário sobre o processo, sobre os potenciais candidatos ou sobre qualquer decisão inerente". A gestão da Efacec "mantém o seu foco e competência unicamente na demonstração, com resultados, do valor, credibilidade e potencial da empresa, garantindo desta forma o melhor futuro possível de acordo com toda a capacidade e potencial, que fazem da Efacec um dos principais players industriais e tecnológicos portugueses".

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de