Em tempo de pandemia portugueses mais interessados nos debates Presidenciais

Os debates que opuseram os candidatos presidenciais a André Ventura foram os que geraram mais audiências.

Em tempos de pandemia, e num momento em que as medidas de controlo da infeção levaram os candidatos a abrandar as ações de rua no arranque da campanha no passado domingo, os portugueses colaram ao ecrã para acompanhar os debates para as Presidenciais: os três frente-a-frente mais vistos nas eleições de 2021 cativaram em média um maior número de telespectadores do que nas eleições de 2016. Os debates que opuseram os candidatos presidenciais a André Ventura foram os que geraram mais audiências.

O debate mais visto foi o que opôs Marcelo Rebelo de Sousa a André Ventura, candidato pelo Chega. Transmitido na SIC e SIC Notícias o debate atingiu um total de 3 milhões de indivíduos, tendo tido uma audiência média de 1.8 milhões de telespectadores e um share de 32.1%. "Estes valores permitiram que a SIC liderasse o dia com um share de 20.9%, mais 3.2 p.p. que a TVI (17.7%) e mais 8.5 p.p. que a RTP1 (12.4%)", segundo a análise de audiências da A Universal McCann, agência de meios do grupo IPG Mediabrand.

Em 2016, o debate mais visto foi o que colocou frente a frente Marcelo Rebelo e Sousa e Sampaio da Nóvoa com o mesmo a gerar uma audiência total de 2,1 milhões de telespectadores, uma audiência média de 1,2 milhões, tendo gerado para a SIC um share de 25,3%.

De resto, "os três debates mais vistos de 2021 suplantaram as audiências do mais visto das Presidenciais de 2016, que opôs Marcelo Rebelo de Sousa a Sampaio da Nóvoa. Nesse dia, a 7 de janeiro de 2016, a SIC emitiu o debate que foi visto, em média, por 1.2 milhões de portugueses", destaca a agência de meios.

Efetivamente, dia 7 de janeiro, o frente a frente entre Marisa Matias e André Ventura, também ele transmitido na SIC, foi o 2.º mais visto, captando em média, as atenções de mais de 1.5 milhões de portugueses, a que correspondeu um share de 28.2%", refere a agência de meios.

Segue-se no top 3 dos mais vistos o debate na TVI, no dia 8 de janeiro, entre Ana Gomes e André Ventura, que gerou uma audiência média de cerca de 1,3 milhões de telespectadores e um share de 24.1%".

Nas presidenciais de 2016, os três debates que geraram maior interesse nos telespectadores ficaram abaixo dos resultados de audiências das Presidenciais de 2021.

O debate entre Marcelo Rebelo de Sousa e Sampaio da Nóvoa liderou, seguido do de Maria de Belém e Sampaio da Nóvoa - seguido na TVI por uma média de pouco mais de 1 milhão de telespectadores, com um share de 23% - e de Marcelo Rebelo de Sousa e Maria de Belém que cativou 879 mil telespectadores, garantindo um share de 18% para a RTP1.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de