Embraer

Embraer: American Airlines encomenda 15 aviões por 620 milhões de euros

REUTERS/Kacper Pempel
REUTERS/Kacper Pempel

A American Airlines encomendou o modelo E175. Este novo contrato resulta numa encomenda total de 104 aeronaves desde 2013.

A fabricante de aeronaves brasileira Embraer anunciou esta segunda-feira que recebeu uma encomenda de 15 jatos do modelo E175 da companhia aérea American Airlines num contrato firmado no valor de 705 milhões de dólares (620 milhões de euros).

Num comunicado à imprensa, a Embraer destacou que o negócio será incluído na carteira de pedidos do quarto trimestre de 2018 e que a entrega das aeronaves começará em 2020.

Somado aos pedidos anteriores de jatos da Embraer do modelo E175 realizados pela companhia aérea norte-americana, este novo contrato resulta numa encomenda total de 104 aeronaves desde 2013.

“Este novo pedido da American Airlines mostra o valor que as companhias aéreas continuam a depositar no nosso bem-sucedido jato E175”, frisou Charlie Hills, diretor de marketing e vendas para a América do Norte da Embraer Aviação Comercial.

“Estamos totalmente comprometidos em fornecer soluções de frota que tenham um impacto final positivo, e o nosso E175 é o responsável pela liderança com mais de 80% de participação no mercado norte-americano”, acrescentou.

A Embraer, que lidera o fabrico de jatos comerciais com até 150 assentos, vendeu mais de 435 jatos do modelo E175 para companhias aéreas na América do Norte desde janeiro de 2013, obtendo mais de 80% do total de pedidos no segmento de jatos de até 76 assentos.

A empresa brasileira mantém unidades industriais, escritórios, centros de serviço e de distribuição de peças, entre outras atividades, nas Américas, África, Ásia e Europa.

A Embraer mantém duas fábricas em Portugal, no Parque de Indústria Aeronáutica de Évora, a 130 quilómetros a leste de Lisboa, sendo que a empresa também é acionista da OGMA (65%), em Alverca, nos arredores de Lisboa.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Dos blueprints  dos primeiros automóveis, ao topo dos carros elétricos atuais, de elon Musk, em homenagem, a Nikolas Tesla.
Ilustração: VITOR HIGGS

Automóvel. Em 20 anos do euro mudou tudo, menos a carga fiscal e o líder

João Vieira Lopes, presidente da Confederação do Comércio e Serviços.
(Jorge Amaral/Global Imagens)

Vieira Lopes: “Metas do governo são realistas mas é preciso investimento”

A EDP, liderada por António Mexia, vai pagar o maior cheque de dividendos da bolsa nacional.

PSI20.Menos lucros mas o mesmo prémio aos acionistas

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Embraer: American Airlines encomenda 15 aviões por 620 milhões de euros