aviação

Emirates vai contratar em três cidades portuguesas

O Boeing 777-300ER da Emirates fará a ligação entre o Porto e o Dubai. Fotografia:  Rafael Marchante/Reuters
O Boeing 777-300ER da Emirates fará a ligação entre o Porto e o Dubai. Fotografia: Rafael Marchante/Reuters

Companhia aérea árabe vai realizar três dias abertos de recrutamento entre 22 e 27 de abril.

A Emirates está à procura de pessoal para a tripulação em Portugal. A companhia aérea árabe vai realizar três sessões de recrutamento entre 22 e 27 de abril. Os candidato podem simplesmente aparecer nas sessões ou podem registar-se previamente no portal de carreiras da empresa.

As sessões vão decorrer dia 22 de abril, em Lisboa, no hotel Marriot; dia 24, no hotel Tivoli de Coimbra; dia 27, no Melia Braga Hotel & Spa. Os três eventos começam às 9 horas. A idade mínima de 21 anos no momento de inscrição e o alcance de braço de 212 centímetros quando estão em ponta dos pés.

“Os candidatos apenas precisam de comparecer no Open Day e levar um currículo atualizado em inglês e uma fotografia recente. Embora não seja obrigatório, os candidatos são aconselhados a preencher um formulário online no site de carreiras do Emirates Group, antes de participar no Open Day. Os candidatos deverão vir preparados para passar o dia inteiro no local, se necessário. Os candidatos pré-selecionados serão informados dos novos horários para novas avaliações e entrevistas”, refere a empresa em nota de imprensa divulgada esta terça-feira.

Os candidatos selecionados vão beneficiar de vantagens como “um rendimento livre de impostos, uma casa moderna gratuita no Dubai para partilhar, transporte gratuito de ida e volta para o trabalho, cuidados de saúde assegurados, além de descontos especiais em compras e atividades de lazer na cidade”. A empresa proporciona ainda benefícios de viagem para os trabalhadores e respetivos familiares.

A Emirates conta atualmente com 500 trabalhadores portugueses nos quadros e vai reforçar as operações em território nacional nos próximos meses, com voos diretos entre Porto e Dubai a partir de 2 de julho.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
A ministra do Trabalho, Ana Mendes Godinho (D), e o secretário de Estado do Emprego, Miguel Cabrita (E). Fotografia: MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Salário mínimo de 635 euros? Dos 617 dos patrões aos 690 euros da CGTP

concertação

Governo sobe, sem acordo, salário mínimo até 635 euros em 2020

concertação

Governo sobe, sem acordo, salário mínimo até 635 euros em 2020

Outros conteúdos GMG
Emirates vai contratar em três cidades portuguesas