Coronavírus

Encomende vinhos e ajude na prevenção da covid-19

Fotografia: DR
Fotografia: DR

Márcio Lopes, enólogo e produtor nos Vinhos Verdes e no Douro, vai doar 10 euros em cada venda de seis garrafas do seus vinhos ao movimento #EuAjudoQuemAjuda, da Cruz Vermelha

Márcio Lopes, enólogo e produtor, encontrou a forma certa de promover o consumo dos seus vinhos. Não só o faz chegar a casa do cliente, no próprio dia se as encomendas forem feitas antes das 12h00, como ainda permite que parte do valor da venda reverta para o movimento #EuAjudoQuemAjuda, criado pela Cruz Vermelha. O objetivo é doar cinco mil euros para ajudar na prevenção à covid-19.

“O mundo parou. Portugal e os portugueses, também. São exigidas medidas extremas, um esforço extra, para um objetivo comum: superar e ultrapassar a covid-19. Ficar em casa é fundamental e o isolamento social é a melhor das prevenções. Mas a vida continua! E os bons hábitos têm de ser mantidos, incluindo beber bons vinhos, saboreando-os, erguendo o copo à saúde de todos”, refere o enólogo dos projetos Pequenos Rebentos (Vinho Verde) e Proibido (Douro), em comunicado.

Desafiou, por isso, as garrafeiras a unir esforços, assegurando encomendas com entrega de vinhos em casa. São 21 as aderentes à iniciativa, em todo no país e ilhas. Mas, além disso, aliou-se ao movimento #EuAjudoQuemAjuda “Unidos contra a Covid-19”, da Cruz Vermelha, que pretende, como o nome o indica, “ajudar quem mais precisa, através do financiamento de meios necessários ao desenvolvimento de iniciativas, projetos e operações no âmbito da Saúde e Apoio Humanitário”.

Assim, por cada caixa de 6 garrafas de vinho das suas marcas Pequenos Rebentos, Permitido, Proibido e Anel, 10 euros vão reverter para esta causa. “Sempre fomos muito sensíveis à necessidade do próximo e, pela nossa responsabilidade social, cabe-nos participar ativamente, melhorando a vida das pessoas, quem sabe ajudar a salvar vidas”, destaca o enólogo.

O objetivo é conseguir chegar aos 5000 euros de valor angariado. “Basta encomendar os vinhos até às 12h00 na garrafeira mais perto de si, a entrega será realizada durante o dia, com todos os cuidados exigidos, e já poderá abrir uma garrafa ao jantar. Fácil, não é? Ajude-nos a ajudar e lembre-se: mantenha-se em casa! Juntos vamos conseguir parar a Covid-19”, apela Márcio Lopes.

São 21 as garrafeiras aderentes, verifique aqui quais:

Caminha • Supermercado Capitolina: geral@capitolina.pt / T. 914 462 225

Viana do Castelo • Soutivinhos: carlos@soutivinhos.com / T. 962 398 628

Ponte de Lima • Garrafeira Matriz: garrafeiramatriz@gmail.com / T. 967 551 743

Barcelos • Garrafeira D´Ajuda: hugodouro7@gmail.com / T. 915 810 580

Esposende • Garrafeira Divino: geral@garrafeiradivino.pt / T. 917 425 492

Póvoa do Varzim e Vila do Conde • Tua Vinharia: jaime.xavier@tua.wine / T. 914 439 900

Famalicão, Guimarães, Trofa, Santo Tirso • Garrafeira Dona Maria: geral@garrafeiradonamaria.com / T. 912 554 540

Maia • Garrafeira do Jofre: geral@garrafeiradojofre.com / T. 229 481 540

Porto • Garrafeira Tio Pepe: clientes@garrafeiratiopepe.pt / T. 939 320 798

Matosinhos • Garage Wines: info@garagewines.pt / T. 932 514 520

Vila Nova de Gaia • Supermercado Mira Ramos: nuno.ramos@miraramos.com / T. 917 986 118

Espinho, Santa Maria da Feira e São João da Madeira • Mendes Sousa e Irmãos: geral@msivinhos.com / T. 962 388 842

Aveiro • Garrafeira 5 Estrelas: garrafeira5_estrelas@live.com.pt / T. 968 059 140

Águeda • Garrafinhas: geral@garrafinhas.pt / T. 914 924 435

Coimbra, Pombal e Leiria • Vinigomes: lpsgomesrm@gmail.com / T. 966 709 470

Região do Oeste • Cordeiro e Genebra: geral@cordeiroegenebra.pt / T. 919 831 171

Lisboa • Wines 9297: wines9297@gmail.com / T. 966 179 606

Setúbal • Garrafeira Farinha: geral@garrafeirafarinha.com / T. 962 049 631

Algarve • Saint Graal: geral@saintgraal.com / T. 961 089 295 ou 926 297 401

Madeira • Páginas e Quadrículas: paginasequadriculas@gmail.com / T. 964 317 976

Açores (Ilha S Miguel) • Adega Virtual: 1001garrafas@gmail.com / T. 964 086 205

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
coronavirus turismo turistas

ISEG. Recessão em Portugal pode chegar a 8% este ano

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho. JOÃO RELVAS/LUSA

Pedidos de lay-off apresentados por 33.366 empresas

coronavirus lay-off trabalho emprego desemprego

Rendimento básico incondicional? “Esperamos não ter de chegar a esse ponto”

Encomende vinhos e ajude na prevenção da covid-19