exportação

Exportação de Pera Rocha para Alemanha duplica graças ao Lidl

Ministro da Agricultura Luís Capoulas dos Santos, com Manuel Evora (Portugal Fresh) e Pedro Monteiro,(diretor-geral de compras do Lidl Portugal
Ministro da Agricultura Luís Capoulas dos Santos, com Manuel Evora (Portugal Fresh) e Pedro Monteiro,(diretor-geral de compras do Lidl Portugal Foto: D.R.

Em menos de dois anos, o volume de exportação da Pera Rocha para a Alemanha duplicou, atingindo as 7,5 mil toneladas.

O anúncio foi feito esta quinta-feira na inauguração do novo conceito de loja do Lidl, em Sacavém, e resulta da parceria do Lidl Portugal com a Portugal Fresh, implicando a negociação de 15 organizações de produtores que abriu oportunidade a mil agricultores.

As 7,5 mil toneladas de Pera Rocha exportada para a Alemanha na campanha 2014-2015 equivaleram a 54 milhões de unidades, significando que chegou, em média, uma pera rocha a cada lar alemão (40 milhões de lares).

Chegou e conquistou os consumidores alemães, permitindo duplicar as quantidades exportadas face à primeira campanha

Destacando o papel do Lidl Portugal no acesso dos produtores nacionais a mercados externos a através dos seu universo de 10 mil lojas em 26 países, o diretor-geral de compras, Pedro Monteiro salienta que, no caso da Pera Rocha, esta “chegou e conquistou os consumidores alemães, permitindo duplicar as quantidades exportadas face à primeira campanha.”

Defendendo a importância de consolidar esta preferência pelo produto nacional, Pedro Monteiro revela que nos dois últimos anos, o Lidl Portugal exportou um total de 12 mil toneladas de pera rocha para cinco mercados, entre eles Alemanha, Espanha, França, Inglaterra e Irlanda.

Mas as exportações no setor hortofrutícola abrangem também frutas como a melancia, o melão branco, as framboesas e as amoras, que “estão também a conquistar cada vez mais peso na balança de exportações da rede de supermercados.”

Além destes, também os vinhos estão em crescimento: o Lidl Portugal prevê exportar este ano cerca de oito milhões de garrafas de vinho português para 14 mercados, correspondendo a mais do dobro dos resultados obtidos em 2015. Com um dado que orgulha o Lidl Portugal: 70% do volume de vendas de frutas e legumes correspondem a produtos nacionais.

A abóbora manteiga é outro dos legumes que poderá seguir as pesadas da Pera Rocha, com a ajuda do Lidl, que por sua vez ajudará a Portugal Fresh a alcançar os objetivos de exportação propostos até 2020.

Desígnio nacional de chegar, a 2020, às 2 mil milhões de euros de frutas e legumes exportados

E esses objetivos passam, segundo Manuel Évora, presidente da Portugal Fresh (associação para a promoção do sector das frutas, legumes e flores), passam por cumprir o “desígnio nacional de chegar, a 2020, às 2 mil milhões de euros de frutas e legumes exportados.”

Desde a criação da Portugal Fresh, em 2010, até 2014 as exportações de frutas, legumes e flores cresceram 40%, o que dá uma média de 10% ao ano, “muito mais do que a economia e muito mais que o sector agroalimentar”, destaca Manuel Évora.

Visivelmente feliz na divulgação dos dados, o mesmo responsável refere que em termos de balança comercial, em 2010, o sector exportava 62% do valor das importações de frutas e legumes, tendo o valor subido para 92% em 2014.

E, em outubro de 2015, a balança está nos 97% do valor das importações, “muito à beira do equilíbrio comercial”, diz, acrescentando que até final de 2015 espera-se que se atinja 1,2 mil milhões de euros de exportações deste sector.

“Esta é a prova de que somos um sector muito dinâmico”, defende Manuel Évora, que defende que a conquista de novos mercados só é possível através de parcerias, referindo-se ao desejo de entrar na “China, apesar das barreiras alfandegárias ou na América Latina, caso de países como o México com 120 milhões de habitantes, ou Colômbia, onde já lá está um retalhista que nos podia ajudar.”

Mas olhando para a Europa, o mesmo responsável diz que o Lidl foi o parceiro ideal para um sector que exporta cerca de 13 mil milhões de euros.

Além da Pera Rocha, para a Alemanha via Lidl em 2014 foram também exportadas 10 milhões de toneladas de framboesas, totalizando até outubro de 2015 cerca de 30 milhões. Ler também.

Já Capoulas dos Santos, ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural, estes resultados são a prova de que “só a produção organizada está em condições de negociar com a grandes distribuição organizada”.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
O ministro das Finanças, Mário Centeno. Fotografia: JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

Centeno mantém crescimento de 1,9% este ano. Acelera para 2% no próximo

O ministro das Finanças, Mário Centeno. Fotografia: José Sena Goulão/Lusa

Dívida pública desce mais devagar do que o previsto

desemprego Marcos Borga Lusa

Taxa de desemprego nos 5,9% em 2020. A mais baixa em 17 anos

Outros conteúdos GMG
Exportação de Pera Rocha para Alemanha duplica graças ao Lidl