Empresas

Farfetch investe 15 milhões de euros em terreno para novo campus

Farfetch
REUTERS/Toby Melville

A empresa anunciou hoje a aquisição do terreno para o novo campus tecnológico, em Matosinhos, que se traduz num investimento de 15 milhões de euros.

O anúncio foi feito através de comunicado, esta terça-feira: a plataforma tecnológica luso-britânica de moda de luxo já escolheu o terreno que irá receber o futuro campus tecnológico em Matosinhos. Segundo a Farfetch, este espaço contará com “cerca de 70 mil metros quadrados”, passando a ser o “centro de inovação tecnológica e operações da empresa”.

A Farfetch refere que este projeto contará com “zonas de escritório, espaços para áreas de operações e estúdios de produção digital”. Cipriano Sousa, responsável pela área tecnológica da Farfetch explica que “este vai ser um parque de ciência e desenvolvimento tecnológico de larga escala em várias áreas, nomeadamente engenharia informática, ciber-segurança, infra-estruturas, data science e muitas outras.”

O futuro campus da Farfetch ficará no concelho de Matosinhos, a alguns minutos do aeroporto Francisco Sá Carneiro, no Porto.

Farfetch, Matosinhos, Campus

Este é o espaço onde ficará situado o novo campus da Farfetch, em Matosinhos. Fonte: Farfetch

“Estamos também orgulhosos pelo investimento que representa em Portugal, e em particular na região, reforçando a nossa visão e estratégia de longo prazo para o negócio e para a indústria e o nosso compromisso para o desenvolvimento nacional de talento, tecnologia e inovação”, diz Luís Teixeira, diretor-geral da Farfetch em Portugal, citado em comunicado.

Depois da aquisição do terreno, a Farfetch refere que já arrancou com a próxima fase do projeto: a definição do projeto de arquitetura e a escolha do arquiteto responsável pela obra.

Ao todo, a empresa tem 13 escritórios espalhados pelo mundo. Em Portugal conta com espaços em Guimarães, Braga, Lisboa e Matosinhos.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
7. Aeroporto de Londres Heathrow

Oficial. Portugal fora do corredor turístico do Reino Unido

O ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva. ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

Decisão do Reino Unido é “absurda”, “errada” e “desapontante”, diz Santos Silva

O presidente do conselho de administração da TAP, Miguel Frasquilho. (Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Frasquilho: Reestruturação da TAP “não vai ser isento de dor”

Farfetch investe 15 milhões de euros em terreno para novo campus