Fechado. Pfizer compra Allergan por 150 mil milhões

A operação cria a maior empresa da indústria farmacêutica

A Pfizer anunciou, esta segunda-feira, a compra da fabricante de botox Allergan, ao fim de semanas de negociações. A operação, avaliada em 160 mil milhões de dólares (mais de 150 mil milhões de euros), cria a maior empresa da indústria farmacêutica.

OS MAIORES NEGÓCIOS DE 2015-03

A farmacêutica norte-americana, fabricante do Viagra, aceitou pagar 363,63 dólares por ação da Allergan, o que avalia a operação em 160 mil milhões de dólares (tendo em conta o preço das ações da Allergan no final de sexta-feira, de 32,18 dólares).

A Allergan está sedeada em Dublin, na Irlanda, conhecida por celebrar acordos fiscais com multinacionais. Esta é uma das principais razões que levaram a Pfizer a adquirir a empresa, já que, assim, também pode mudar a sua sede para a Irlanda e usufruir destas vantagens fiscais. Na prática, é a Pfizer quem compra a Allergan. Mas, no papel, é o contrário: para que a Pfizer possa mudar a sua sede para Dublin, a Allergan assume o papel de compradora nesta operação.

Assim, a Allergan "será a empresa mãe do grupo resultante da fusão", refere a Pfizer no comunicado divulgado esta segunda-feira. "A Allergan será rebatizada Pfizer plc depois de fechada a transação".

A operação, antecipa a Pfizer, deverá ficar concluída no segundo semestre do próximo ano, estando ainda dependente da aprovação dos reguladores e dos acionistas de ambas as empresas.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de