têxteis

Feira de têxteis de Frankfurt começa hoje com 81 empresas portuguesas

Fotografia: Rui Manuel Fonseca / Global Imagens
Fotografia: Rui Manuel Fonseca / Global Imagens

Numa feira em que 89% dos expositores vêm de fora da Alemanha, Portugal destaca-se como principal fornecedor europeu de roupa de cama e banho

A feira de têxteis para o lar de Frankfurt, a Heimtexil, que hoje se inicia, conta este ano com a participação de 81 empresas portuguesas, que investiram cerca de 2,5 milhões de euros no certame.

De acordo com um comunicado dos representantes da feira alemã em Portugal, é na Heimtextil que a indústria portuguesa de têxteis lar, vocacionada para a exportação de roupa de cama e de banho, encontra os seus principais clientes internacionais.

As 81 empresas portuguesas vão ocupar 5.402 metros quadrados de espaço de exposição, um valor recorde para a indústria portuguesa.

A feira internacional, que decorre até sexta-feira, tem mais de 2.800 expositores internacionais, que aguardam a visita de 69.000 visitantes de todo o mundo.

Numa feira em que 89% dos expositores vêm de fora da Alemanha, Portugal destaca-se como principal fornecedor europeu de roupa de cama e banho.

A Associação Selectiva Moda leva mais uma vez a Frankfurt o fórum de tendências “The Portuguese Home Tex’Style”, desta vez motivado pelo conceito “Convergência”.

No espaço “Fashion From Portugal” os visitantes internacionais podem analisar as tendências “made in Portugal”.

O certame conta também com a participação da Guimarães Marca, um projeto do Concelho de Guimarães, de onde são oriundas mais de um terço das empresas presentes nesta feira.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
(Artur Machado / Global Imagens)

Dinheiro Vivo mantém-se líder digital dos económicos

(Artur Machado / Global Imagens)

Dinheiro Vivo mantém-se líder digital dos económicos

O ex-governador do Banco de Portugal (BdP), Vítor Constâncio, na II Comissão Parlamentar de Inquérito à Recapitalização da Caixa Geral de Depósitos e à Gestão do Banco, na Assembleia da República. TIAGO PETINGA/LUSA

BCP, Berardo e calúnias. As explicações de Constâncio no inquérito à CGD

Outros conteúdos GMG
Feira de têxteis de Frankfurt começa hoje com 81 empresas portuguesas