Cimpor

Francisco Lacerda: “A Cimpor, com cabeça em Portugal, acabou há uns anos”

A carregar player...

Francisco Lacerda, último presidente da Cimpor 'portuguesa', alertou em 2012 para o risco de desmembramento da cimenteira.

Liderava a Cimpor quando a multinacional portuguesa foi vendida aos brasileiros da InterCement, em 2012. Na altura, Francisco Lacerda, alertou para o risco de desmembramento da cimenteira, o que acabou por se concretizar.

Em entrevista ao programa ‘A Vida do Dinheiro’, do Dinheiro Vivo/TSF, o atual presidente executivo dos CTT comentou a venda do negócio da Cimpor em Portugal e em Cabo Verde a um grupo turco. Para o gestor, “a multinacional Cimpor, com cabeça em Portugal, acabou há uns anos”.

O negócio, anunciado a 26 de outubro, gera um encaixe de 700 milhões de euros para o grupo brasileiro controlado pela Camargo Corrêa.

“É só a confirmação de que, a partir do momento em que acontece uma transação onde a cabeça muda de país, depois o resto fica completamente fora de controlo”, apontou.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Caixa Geral de Dep—ositos -

CGD perdeu 1200 milhões em empréstimos de risco

Miguel Setas, presidente da EDP Brasil

EDP Brasil quer duplicar presença no país até 2020

Ricardo Mourinho Félix, secretário de Estado Adjunto e das Finanças. Fotografia: Jorge Amaral/Global Imagens

Portugal não vai concorrer a vaga de topo no BCE, nem mexe na previsão do PIB

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
Francisco Lacerda: “A Cimpor, com cabeça em Portugal, acabou há uns anos”