Hotelaria

Antigo convento no Fundão sai das ruínas para ser novo hotel

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Grupo familiar relacionado à construção adquiriu a concessão do espaço em ruínas. Hotel de quatro estrelas abre no arranque de 2018

Marta Rafael dá a cara pelo que será o Convento do Seixo Design Hotel & Spa. Sem grande experiência na hotelaria, adquiriu com o pai a concessão do antigo convento do Fundão, edificado no século XVI, e até aqui em ruínas. O espaço já está a ser convertido em hotel, que abrirá portas no arranque do próximo ano.

A nova unidade hoteleira terá 16 quartos, quatro suites e quatro villas exteriores. Contará ainda com duas piscinas, um spa, uma sala de reuniões e um espaço para eventos com capacidade para receber 60 pessoas. O hotel vai ter ainda um restaurante de gastronomia portuguesa.

“Vamos oferecer experiências únicas aos nossos hóspedes, desde logo a possibilidade de dormirem em quartos carregados de história, com séculos de existência”, refere Marta Rafael, sem levantar o pano sobre o que será o projeto.

As obras arrancaram ainda no ano passado e envolvem um investimento de cerca de 3 milhões de euros. Para além deste espaço, a empresa lisboeta conta ainda com uma guest house também no Fundão e tem vindo a adquirir edifícios em Lisboa para remodelação e comercialização a um público de luxo.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Lisboa-19/12/2019  - Conferencia de Antonio Mexia ,CEO da EDP. 
(PAULO SPRANGER/Global Imagens)

Chinesa CTG vende 1,8% da EDP

A ministra de Estado e da Presidência, Mariana Vieira da Silva (C), acompanhada pelo secretário de Estado Adjunto, do Trabalho e da Formação Profissional, Miguel Cabrita(D) e pela secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdadepela (D), Rosa Monteiro, durante a reunião da Comissão Permanente de Concertação Social, em Lisboa, 26 de fevereiro de 2020. ANTÓNIO COTRIM/LUSA

Governo propõe licença parental paga até um ano no trabalho em part-time

O ministro de Estado e das Finanças, Mário Centeno. JOSÉ SENA GOULÃO/LUSA

Novo Banco: Estado como acionista só dilui posição do Fundo de Resolução

Antigo convento no Fundão sai das ruínas para ser novo hotel