Turismo

Casal brasileiro recupera apartamento onde Fernando Pessoa viveu

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

O casal brasileiro descobriu o apartamento onde o poeta Fernando Pessoa viveu durante a juventude e recuperou-o. Hoje recebe turistas e entusiastas

A história é contada por Giuliana Miranda, jornalista brasileira radicada em Lisboa, no seu blogue “Ora Pois”. Ao procurar imóveis no centro histórico de Lisboa para investir no sector do turismo, Maria Penido e o publicitário Ricardo Braga encontraram um apartamento onde Fernando Pessoa viveu durante a juventude, em 1905 e 1906, na Rua de São Bento, 17, em Lisboa.

Com o objetivo de investir num imóvel para arrendar a turistas, o casal brasileiro encetou numa viagem ao universo do poeta português – viagem essa que se reflete nos pormenores da casa, decorada a pensar em Fernando Pessoa.

“Sem muito destaque, no meio do anúncio, havia a informação de que naquele apartamento havia morado Fernando Pessoa. Fiquei impressionada e muito curiosa, mas isso não interferiu na negociação (a autenticidade da residência já tinha sido atestada pela Câmara de Lisboa ao proprietário anterior). O apartamento não custou nem um cêntimo a mais por ele ter vivido ali”, conta Maria Penido, proprietária de uma empresa que ajuda estrangeiros que se mudam para Portugal.

A decoração, ao cuidado de Maria Penido, é totalmente dedicada à obra do poeta. Nas paredes, os manuscritos cedidos pela Biblioteca Nacional de Portugal, mostram apontamentos onde predomina a língua inglesa.

“Queríamos mais do que simplesmente pôr uns livros e umas fotos do Fernando Pessoa na parede. Queríamos algo que refletisse o período em que ele ali viveu”, conta Ricardo Braga que entrou numa imersão total no universo pessoano: “Entrei em contacto com a equipa da Casa Fernando Pessoa, fui atrás de especialistas, li muita coisa”, conta Ricardo.

António Cardiello e Fabrizio Boscaglia, dois estudiosos da obra do poeta, também ajudaram a incluir várias referências à época do escritor na decoração da casa. O processo foi árduo e moroso e exigiu muitas visitas à Feira da Ladra e muitas horas na internet a procurar objetos que remetessem ao poeta, sublinham os proprietários.

O apartamento tem dois quartos, sala de estar, sala de jantar e uma casa de banho e tem capacidade para receber quatro pessoas. Desde o lançamento, feito há menos de um mês e em pequena escala, a procura tem sido grande. Os turistas estrangeiros que por lá passam podem encontrar livros, em inglês, do poeta na mesa-de-cabeceira e outros objetos relativos ao poeta, espalhados pela casa.

Depois de terminados os estudos na África do Sul, Pessoa regressou a Lisboa com 17 anos, para estudar na Faculdade Letras da Universidade de Lisboa. Foi nesta casa que viveu, com a tia e outros familiares.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Fotografia: MIGUEL A. LOPES/ LUSA

Défice recua à boleia de crescimento da receita e estabiliação da despesa

Terminou nesta sexta-feira o prazo para a entrega de propostas de compra do Novo Banco

Pimco aceita oferta do Novo Banco

Fotografia: Paulo Spranger/Global Imagens

Portugueses são os que mais querem poupar para enfrentar futuras crises

Outros conteúdos GMG
Conteúdo Patrocinado
Casal brasileiro recupera apartamento onde Fernando Pessoa viveu