segurança

Centro de competências antifraude digital nasce em Viseu

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

A IBM e a SIBS preparam o lançamento conjunto de um centro de competências para desenvolver soluções de combate à fraude em pagamentos online

A tecnológica IBM e a empresa que gere o sistema Multibanco SIBS preparam-se para lançar no quarto trimestre de 2018 um centro conjunto de desenvolvimento de uma nova solução de segurança a partir de Viseu, cidade onde a IBM e a SIBS já têm centros de competência. O projeto envolve analistas, programadores e outros funcionários a trabalhar em sistemas antifraude e anticrime.

“A primeira fase deverá estar completa até ao final do primeiro trimestre de 2018 e no segundo trimestre entraremos na comercialização” disse esta terça-feira António Raposo de Lima, presidente da IBM Portugal, durante um pequeno-almoço executivo organizado pela IBM no Teatro Thalia em Lisboa.

O encontro, que juntou profissionais e especialistas para debater os novos modelos de negócio do setor financeiro, foi aproveitado para apresentar a parceria internacional entre a IBM e a SIBS para a solução cognitiva de deteção de fraude em tempo real. “Entre 2016 e 2021 estima-se que a fraude cresça cerca de 7% ao ano” informou José Azevedo, diretor de serviço ao cliente da SIBS, sublinhando que, perante o crescimento do comércio eletrónico, as empresas têm de estar preparadas para prevenir e detetar fraudes.

Em entrevista ao Dinheiro Vivo, António Raposo de Lima explicou que o novo sistema destina-se a vários setores de atividade que façam transações financeiras online, como, por exemplo, a banca e o retalho. Contudo, “numa primeira fase a solução será apresentada a empresas do mundo financeiro.” No futuro, os parceiros têm planos para estender estes serviços a outros mercados e clientes.

A nova solução agrega know-how e procedimentos de segurança e antifraude da SIBS com a tecnologia cognitiva da IBM com base no Watson, uma plataforma da IBM para as empresas assente em tecnologia de inteligência artificial.

O objetivo é detetar e evitar atividades fraudulentas sofisticadas para reduzir o prejuízo, bem como proporcionar mais transparência e confiança ao consumidor nas suas transações.

O evento juntou vários especialistas. Da IBM Europa veio Raoul Van Engelshoven, vice-presidente dos serviços financeiros e Glenn Brouwer, diretor do Watson Financial Services Solutions. O programa contou com um painel sobre a transformação digital nos serviços financeiros moderado por Rosália Amorim, diretora editorial do Dinheiro Vivo, em que participou Francisco Barbeira, membro executivo do board do BPI, José Miguel Pessanha, membro executivo do board do Millennium BCP, Madalena Cascais Tomé, CEO da SIBS e António Raposo de Lima, presidente da IBM Portugal.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
(Gustavo Bom / Global Imagens)

Sofia Tenreiro: “Estamos a captar os portugueses que não queremos que fujam”

O ministro do Trabalho e da Segurança Social, Vieira da Silva (C), ladeado por Ana Teresa Lehmann, secretária de Estado da Indústria (D), e Miguel Cabrita (E), secretário de Estado do Emprego, fala aos jornalistas no final da reunião com administração e Comissão de Trabalhadores da Autoeuropa para discutirem um modelo de trabalho para o próximo ano, no Ministério do Trabalho e da Segurança Social, em Lisboa, 15 de dezembro ded 2017.  Fotografia: MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Autoeuropa. Governo dá luz verde a creches para destravar diálogo

Mário Centeno. Fotografia: REUTERS/Rafael Marchante

Fitch dá maior subida de rating de sempre a Portugal e coloca país no grupo da Itália

Outros conteúdos GMG
Conteúdo Patrocinado
Conteúdo TUI
Centro de competências antifraude digital nasce em Viseu