Tecnologia

Huawei agarra liderança no mercado português de smartphones

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

Previsões apontam para que a marca chinesa mantenha a liderança nos próximos trimestres. Tudo depende da resposta da Samsung.

A Huawei foi a marca de smartphones mais vendida em Portugal nos primeiros três meses do ano. A gigante chinesa superou a Samsung e a Apple, por esta ordem, segundo a empresa de análise IDC. Este é o segundo trimestre consecutivo da Huawei na liderança, depois de ter chegado a número um no mercado nacional durante o último trimestre de 2017.

“A diferença não foi muita, mas o que é importante notar é que é uma tendência que temos vindo a verificar a nível europeu, que o crescimento deles tem vindo a aproximar-se do topo”, explicou Francisco Jerónimo, diretor de pesquisa para comunicações móveis da IDC EMEA, ao Dinheiro Vivo.

“É importante notar que o preço médio dos produtos que eles vendem têm vindo a crescer, o que significa que não é só o crescimento nas unidades vendidas, mas também o preço médio dos produtos tem vindo a aumentar. Os consumidores começam a aceitar os produtos mais premium da Huawei como uma alternativa aos produtos da Apple e da Samsung”, acrescentou o analista.

Leia também | De Paris a Roma. Fomos ver se o Huawei P20 Pro tem mesmo a melhor câmara

Além de posicionar-se com preços mais agressivos, o sucesso da Huawei justifica-se também pelo portfólio equilibrado de produtos. “Apesar de continuarem a investir cada vez mais em produtos premium, continuam a ter uma média gama interessante. Por outro lado, continuam a investir nos pontos de venda e continuam a trabalhar com os retalhistas e com os operadores para que os telefones deles sejam, no fundo, escolhidos pelos consumidores quando vão à loja”, detalhou o elemento da IDC.

A grande questão que se coloca neste momento é: vai a Huawei conseguir manter esta posição, tendo em consideração que o mercado português nos últimos anos tem sido largamente dominado pela Samsung?

Guerra à vista
“Isso vai tudo depender do como a Samsung responder durante o ano. Como é óbvio, a Samsung não olha para este crescimento da Huawei e de outros potenciais concorrentes de uma forma pacífica”, começou por dizer Francisco Jerónimo.

A previsão da IDC é que Huawei vai manter a liderança em Portugal nos próximos trimestres e deverá chegar ao final de 2018 como a marca que mais smartphones vende no mercado português.

Numa entrevista com o Dinheiro Vivo em março, o diretor da divisão mobile da Samsung Portugal, Nuno Parreira, desvalorizava a aproximação da Samsung e dizia que o foco da empresa sul-coreana não está apenas no volume de unidades vendidas, mas também nas receitas geradas nesta área de negócio. “Quase metade do mercado premium em Portugal está com a Samsung”, destacou o executivo na altura.

Leia também | iPhone prepara-se para ‘roubar’ maior trunfo da Huawei

“Não me surpreenderia se no final do ano continuassem como número um e se nos próximos trimestres continuassem como número um. A não ser que realmente vejamos por parte da Samsung uma resposta bastante ativa a combater esse crescimento”.

Além da guerra com a Huawei, Francisco Jerónimo diz que a Samsung precisa de preparar-se também para a guerra com a Xiaomi. A startup chinesa chegou este ano em força ao mercado português e se olharmos para o impacto que está a ter noutros países do sul da Europa – na Grécia já é número um, em Espanha número quatro -, então é de prever algumas mexidas no mercado nacional.

“[A Xiaomi] É provavelmente o fabricante que vai afetar mais a Samsung e também a Huawei durante este ano”.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.
Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje

Página inicial

Patrick Drahi lidera grupo Altice. Fotografia: Filipe Amorim/Global Imagens

Altice “culpa” demora da decisão dos reguladores para fim do negócio com TVI

Fotografia: D.R.

Prisa vai analisar “todos os cenários” para Media Capital

Outros conteúdos GMG
Huawei agarra liderança no mercado português de smartphones