Energia

Galp conclui compra de Tagusgás por 32 milhões

Ações da Galp disparam com subida do petróleo

Operação anunciada em abril foi agora concluída. Galp Gás Natural passou a controlar a Tagusgás, que serve distrito de Santarém e Portalegre

A Galp Gás Natural Distribuição concluiu a compra de 58,03% da Tagusgás por cerca de 32 milhões de euros, comunicou a empresa ao mercado. A operação tinha sido comunicada a 26 de abril.

“A transação foi autorizada pelo Governo Português, como concedente ao abrigo do Contrato de Concessão celebrado em 2008, após parecer favorável da Autoridade da Concorrência e da ERSE – Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos”, pode ler-se no comunicado.

Com a conclusão desta operadora a Galp Gás Natural Distribuição passou a deter 99,36% do capital social da Tagusgás, empresa que tem a concessão da distribuição de gás natural nos distritos de Santarém e Portalegre, com uma base de ativos regulados (RAB) de cerca de 82 milhões de euros e cerca de 122 milhões m3 de gás natural distribuídos por ano.

A GGND é a principal distribuidora de gás natural em Portugal, com um RAB de cerca de mil milhões de euros e cerca de 1.450 milhões de metros cúbicos (m3 ) de gás natural distribuídos anualmente através do controlo de oito das onze empresas de distribuição de gás natural em Portugal.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje

Página inicial

Pardal Henriques, do SNMMP. 
(MANUEL DE ALMEIDA/LUSA)

Sem acordo “por 50 euros”, diz sindicato. “Querem impor aumento”, acusam patrões

O advogado e porta-voz do sindicato nacional dos motoristas, Pardal Henriques. ANTÓNIO COTRIM/LUSA

Pardal Henriques foi a personalidade mais mediática da greve

Outros conteúdos GMG
Galp conclui compra de Tagusgás por 32 milhões