OPA

Gigante das autoestradas. Luz verde à OPA da Atlantia sobre Abertis

estradas-ae-e1493208262856-17d20c88b316564eacf040058ccc94aaf39ed36c

Com a concretização da operação será criado um gigante mundial no setor das autoestradas, com cerca de 14.000 quilómetros de autoestradas.

A Comissão Nacional do Mercado de Valores espanhola (CNMV) deu luz verde à oferta pública de aquisição (OPA) lançada pela empresa italiana de construção de autoestradas e aeroportos Atlantia ao grupo espanhol Abertis, noticiou hoje o jornal Expansión. O regulador aprovou a operação que consiste numa oferta de compra sobre a Abertis que avalia o grupo em mais de 16.200 milhões de euros.

 

Diz o Expansión que o grupo Atlantia oferece 16,5 euros por ação, numa combinação de ações próprias e dinheiro. O grupo Atlantia dará agora 30 dias para a aceitação da OPA. A CNMV anunciou em comunicado que decidiu “autorizar a oferta pública voluntária de aquisição de 990.381.308 ações da Abertis Infraestructuras, S.A. que compõem 100% do seu capital social”.

Entretanto, o concorrente grupo ACS também confirmou que está a estudar uma contra proposta de aquisição à Abertis, mas até agora não apresentou nenhuma oferta formal. De acordo com as regras da CNMV, o grupo ACS terá até cinco dias antes do fim do período de aceitação (que termina em novembro) para apresentar a sua contra OPA. Por seu lado, a Atlantia também terá até esse momento a oportunidade de melhorar a oferta já apresentada.

Com a concretização da operação de integração entre as duas empresas será criado um gigante mundial no setor das autoestradas, com mais de 10.000 milhões de euros de lucros anuais e cerca de 14.000 quilómetros de autoestradas com portagens espalhadas pela Europa, Ásia e América Latina. O seu valor em Bolsa poderia ultrapassar os 35.000 milhões de euros.

 

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Alexandre Fonseca, presidente da Altice Portugal (Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Altice sobre compra TVI. “Estado perdeu 200 milhões num ano”

Alexandre Fonseca, presidente da Altice Portugal (Reinaldo Rodrigues/Global Imagens)

Altice sobre compra TVI. “Estado perdeu 200 milhões num ano”

Combustíveis

Petróleo sobe em flecha. “Não haverá impacto perturbador nas nossas algibeiras”

Outros conteúdos GMG
Gigante das autoestradas. Luz verde à OPA da Atlantia sobre Abertis