Tecnologia

Glintt reforça presença no mercado brasileiro

Solução "paper free" de gestão hospitalar contribui para a desburocratização do setor da saúde

A Glintt conquistou a certificação para Sistemas de Registo Eletrónico em Saúde no Brasil, para operar o software de gestão hospitalar Globalcare. A tecnológica torna-se assim na primeira empresa portuguesa a atuar no mercado de saúde brasileiro com uma solução “paper free”.

“A certificação garante que a solução Globalcare cumpre as normas de segurança de registo e arquivo de informação clínica no mercado brasileiro. Permite implementar uma solução sem a necessidade de utilizar papel, contribuindo de forma concreta e comprovada para a eliminação de tarefas administrativas, centrando a prestação de serviços clínicos no paciente”, explica ao Dinheiro Vivo Paulo Figueiredo, diretor da unidade de produto da Glintt.

No fundo, acrescenta, a solução da Glintt pode “contribuir de forma significativa para a desburocratização da atividade efetuada por todos os profissionais de saúde”.

Para os hospitais, a solução permite, também, “poupanças significativas”, graças ao “aumento do nível da eficiência da prestação de serviços” e aos “ganhos substanciais ao nível da poupança de consumíveis e películas/gravações de imagiologia”.

A conquista da certificação vem reforçar o posicionamento da Glintt no mercado brasileiro. Para os próximos tempos, a estratégia da Glintt no Brasil passa pela criação de parcerias locais para a implementação do Globalcare. O investimento vai incluir a conclusão da adaptação do software ao emrcado brasileiro, bem como a criação de clientes de referência “para servir de montra no mercado”, o apoio aos parceiros locais com experiência em Portugal.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Fotografia: Gerardo Santos/Global Imagens

Saídas para a reforma disparam 43% na função pública

Foto: DR

EDP flexibilizou pagamento de faturas no valor de 60 milhões de euros

Ministro de Estado, da Economia e Transição Digital, Pedro Siza Vieira. TIAGO PETINGA/LUSA

Moratórias bancárias estendidas até final de setembro de 2021

Glintt reforça presença no mercado brasileiro