Governo já atribuiu 519 vistos gold. São 361 milhões de investimento em Portugal

ng3113243

O Governo já atribuiu 519 vistos gold desde o início 2013, quando a iniciativa foi lançada, e até à passada sexta-feira, 23 de janeiro. Licenças que correspondem a 361 milhões de euros de investimento estrangeiro em Portugal em menos de um ano.

De acordo com o ministro dos Negócios Estrangeiros, Rui Machete, em 2013 foram entregues 470 vistos que equivalem a um total de 334 milhões de euros provenientes de 535 investidores de 28 nacionalidades diferentes, mas principalmente da China, Rússia e Brasil.

Leia também: Portugal já negou 11 vistos gold a investidores estrangeiros

A estes juntam-se os vistos já emitidos este ano. “Nos primeiros 23 dias do ano foram entregues 49 autorizações equivalentes a mais de 27 milhões de euros de investimento direto no país”, disse o governante esta segunda-feira. O ministro esteve na assinatura de um protocolo com o ministério da Economia e da Administração Interna para reforçar os serviços de vistos para cinco países considerados prioritários, nomeadamente a China, Índia, Rússia, Emirados e Colômbia.

Mas há mais. De acordo com o embaixador da Colômbia em Portugal, Germán Barragán, que também esteve ontem na cerimónia, há mais de 20 pedidos para vistos de cidadãos colombianos e cinco estão praticamente fechados. Além disso, “a partir de julho, a TAP inaugura quatro voos semanais diretos entre Lisboa e Bogotá, o que terá um incremento muito grande nos negócios e turismo”, acrescentou.

Além disso, também o embaixador da Índia disse ontem, na mesma ocasião que, “fará de tudo para trazer mais investimento para Portugal, porque é um país muito amigável para o turismo e para os negócios” e o embaixador da China comentou igualmente que, este ano, haverá ainda mais investimento chinês no país. Pelos dados de 2013, dos 470 vistos gold atribuídos, 85% foram para cidadãos chineses.

Não é por isso de admirar que Rui Machete esteja confiante. “Com base nos dados de 2014, antecipa-se um ano igualmente bom”, comentou.

Os vistos gold são um mecanismo de apoio ao investimento estrangeiro em Portugal que atribui residência no país durante cinco anos mediando a realização de negócios, mais precisamente o investimento de mais de 500 mil euros em imobiliário, o depósito de um milhão de euros num banco português ou projetos que criem empregos duradouros.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Lear Corporation

Há mais de 800 mil portugueses a trabalhar por turnos

Alexandra Leitão, ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública. (António Pedro Santos / Lusa)

Governo vai reservar verba para financiar pré-reformas no Estado

Rui

“Se Rui Rio ganhar as eleições do PSD este Governo dura quatro anos”

Outros conteúdos GMG
Governo já atribuiu 519 vistos gold. São 361 milhões de investimento em Portugal