Biotecnologia

Hub europeu de biotecnologia nasce no Porto

Universidade Católica no Porto. Fotografia: D.R.
Universidade Católica no Porto. Fotografia: D.R.

É assinado, esta sexta-feira, na Reitoria da Universidade Católica, o protocolo de colaboração que visa a criação de um hub de Biotecnologia no Porto

O protocolo de colaboração que visa a criação de um hub de biotecnologia e de um centro de excelência europeu de bioprodutos na Escola Superior de Biotecnologia do Porto, é assinado, esta sexta-feira, em Lisboa, na Reitoria da Universidade Católica.

A parceria será estabelecida entre Universidade Católica e a empresa Amyris, e a assinatura do protocolo contará com a presença do embaixador dos EUA.

O acordo permitirá, num prazo de cinco anos, a contratação de várias dezenas de investigadores. Prevê-se o investimento próximo dos 50 milhões de euros.

As duas entidades vão estabelecer uma plataforma de colaboração, que visa o desenvolvimento de projetos de investigação e desenvolvimento, contratos com empresas na Europa para produção sustentável de compostos bioativos-chave e a promoção de programas de formação avançada no domínio da biotecnologia.

O objetivo principal desta parceria é levar para o Norte do país capacidade de desenvolvimento de bioengenharia, criando um importante centro europeu de I&D+I em bioprodutos.

A Escola Superior de Biotecnologia integra a Universidade Católica no Porto e oferece cursos de licenciatura, mestrado, doutoramento e pós-Graduaçãog nas áreas das ciências da vida (nutrição, microbiologia) e engenharia (alimentar, ambiente e biomédica). Foi pioneira no lançamento da formação em engenharia alimentar em Portugal, há já 30 anos, oferecendo ainda a única licenciatura em microbiologia existente no país.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Biedronka assegura 68% das vendas; Pingo Doce 24%

Jerónimo Martins vai impugnar coima de 24 milhões na Polónia

Parque Eólico

EDP Renováveis vende sete parques eólicos à Finerge em Espanha

Luís Máximo dos Santos é presidente do Fundo de Resolução.

Fundo de Resolução diz que comprador da GNB tinha a proposta “mais atrativa”

Hub europeu de biotecnologia nasce no Porto