aviação

Iberia reforça operação no Porto a partir do verão de 2018

A320 Iberia

Voos atualmente operados pela Air Nostrum passam a funcionar com os aviões da Iberia e há mais duas frequências semanais entre Porto e Madrid.

A companhia de aviação de bandeira espanhola Iberia vai aumentar 28% a oferta no Porto, a partir do verão de 2018, através da troca dos aviões CRK da Air Nostrum pelos A319 da casa-mãe. Os 41 lugares adicionais por avião e por semana permitem aumentar a oferta aos passageiros com origem ou destino no Porto e ampliam o potencial de ligação a voos no hub de Madrid.

“Reforçamos onde vemos oportunidades de crescimento e é no Porto que se encontra essa oportunidade”, justificou Celia Muñoz, diretora comercial da Europa, Médio Oriente, África e Ásia da Iberia.

Com a ligação a Madrid facilitada, os passageiros ganham também maior acesso à rede de 124 destinos da Iberia, incluindo cinco nos EUA, nove em África e Médio Oriente e dois na Ásia, Tóquio e Shangai. A partir de 2018, a Iberia vai também reforçar as ligações a Tóquio, aumentando as frequências semanais de três para cinco, com partida de Madrid, e acrescentar dois novos destinos: S. Francisco (EUA) e Manágua, ambos com três frequências semanais.

Entre janeiro e setembro deste ano, os 48 voos semanais da companhia espanhola entre o Porto e Madrid e entre o Porto e Menorca tiveram um aumento de 10% no número de passageiros.

A partir de 25 de março de 2018 (altura em que entra em vigor o verão IATA), os voos com partida do Porto passarão a realizar-se às 8,30 horas (deixa de realizar-se ao domingo), às 12,35 horas (deixa de realizar-se ao sábado), às 16,40 horas e às 20,30 horas (diários). No sentido inverso, os horários também mudam ligeiramente: às 7,40 horas (deixa de realizar-se aos domingos), às 11,45 horas (deixa de realizar-se aos sábados), às 15,40 horas (diário) e às 19,40 horas (tal como agora, não se realiza aos sábados, mas passa a existir também às segundas e terças-feiras).

Ao todo, a Iberia opera 102 voos semanais entre aeroportos portugueses e espanhóis, com partidas do Porto, de Lisboa, de Faro e do Funchal, o que corresponde, este ano, a uma oferta de mais de 800 mil lugares.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje

Página inicial

LUÍS FORRA/LUSA

Dia 7. Termina greve dos motoristas

Francisco São Bento, presidente do SNMMP. Foto: Sara Matos/Global Imagens

Cinco momentos chave numa greve de sete dias

Outros conteúdos GMG
Iberia reforça operação no Porto a partir do verão de 2018