Iguarivarius tenta entrar no mercado chinês

Mário Lino, presidente da  Iguarivarius
Mário Lino, presidente da Iguarivarius

A Iguarivarius tem vindo a reunir esforços para que, pela primeira vez, seja permitida a entrada de carnes nacionais no mercado Chinês.

A maior exportadora portuguesa de carnes frescas e congeladas, ao longo dos últimos meses tem estado em processo negocial com o maior grupo importador de produtos e bens alimentares da China.

Leia também Têxteis “alimentam” aumento das exportações portuguesas para Espanha

O objetivo é tentar desbloquear o processo de homologação de algumas indústrias nacionais relacionadas com produtos de alimentares de origem animal (carnes frescas, congelados e transformados) abrindo assim portas ao mercado nacional.

“O mercado chinês é importante para a Iguarivarius, uma vez que representa uma das maiores economias mundiais com uma média de crescimento anual de 10%”, refere João Rosa, Diretor Geral da Iguarivarius. Acrescentando que o país “tem uma população que está a ganhar poder de compra e começa a estar atenta a outro tipo de produtos”.

Para alcançar o mercado asiático a Iguarivarius “tem desenvolvido contactos com a Embaixada da Republica Popular da China e prepara-se para acompanhar já este mês o Presidente da Republica, Cavaco Silva, na primeira viagem oficial do chefe de estado português à China em quase uma década”, refere um comunicado da empresa.

A visita coincide com o 35.º aniversário do estabelecimento das relações diplomáticas entre Portugal e China. “Este será mais um passo importante para colocar o tema em cima da mesa e agilizar o processo de entrada de carnes nacionais no mercado chinês”, frisa.

A Iguarivarius foi constituída no final de 2010, que tem como objecto principal o comércio de produtos alimentares, a prestação de serviços nas áreas alimentar e dos sistemas e tecnologias de informação e a consultoria à exportação.

Com presença em 20 países, os principais mercados de atuação da Iguarivarius são: América do Sul, Europa de Leste, Asia, Médio Oriente e Norte de Africa. Através da marca Portuvarius, a empresa exporta “De Portugal para o Mundo” uma alargada gama de carne fresca e congelada: bovino, suíno, aves e transformados.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
trabalho emprego comissão europeia

Bruxelas quer criar 5 novos impostos e dar 15 mil milhões de euros a Portugal

Vieira da Silva, ex-ministro do Trabalho e Segurança Social. 
Fotografia: Natacha Cardoso / Global Imagens

Governo deve reforçar apoios sociais e aos jovens e rever o lay-off

covid 19 portugal casos coronavirus DGS

1356 mortos e 31292 casos confirmados de covid-19 em Portugal

Iguarivarius tenta entrar no mercado chinês