retalho

Ikea. Parceria com CTT para entregas “está a funcionar muito bem”

Fotografia: Paulo Jorge Magalhães / Global Imagens
Fotografia: Paulo Jorge Magalhães / Global Imagens

Cadeia sueca e CTT fecharam o ano passado parceria para entregas de produtos até 25 quilos. Ikea vai aumentar rede de pontos de recolha pelo país

A parceria estabelecida entre a Ikea e os CTT para entregas de produtos até 25 quilos “está a correr muito bem”, assegura Michaela Quinlan, diretora comercial da Ikea Portugal.

“Está a correr muito bem, começou em dezembro. Ainda não terminamos o ano, teremos resultados em setembro e só nessa altura saberemos melhor qual foi o desempenho nessa área”, diz a responsável comercial quando questionada pelo Dinheiro Vivo sobre os resultados desta parceria.

Atrasos na entrega de encomendas dos CTT têm gerado centenas de queixas dos consumidores, posicionando o operador postal como um dos mais reclamados no Portal da Queixa até final de julho, mas no que toca à Ikea a parceria está a cumprir. “Para nós a parceria está a funcionar bem”, garante Michaela Quinlan.

Leia ainda: Ikea investe 6 milhões na redução de preços de quase 200 produtos

Ter outros parceiros ao nível de entregas é algo que a cadeia sueca está a analisar. “É algo que estamos a explorar, mas não há nenhuma decisão”, diz.

A companhia tem vindo a apostar nas entregas ao domicílio, bem como no ecommerce tendo anunciado esta terça-feira a intenção de expandir a rede de pontos de recolha dos atuais dois (Viana do Castelo e Leiria) para um total de 14 no final do próximo ano fiscal que arranca em setembro.

“É muito importante para o nosso ecommerce, em termos de tempo que leva a levar os produtos ao cliente, mas também em termos de preço. Será muito mais em conta para as pessoas nessa área terem acesso produtos nossos de forma mais rápida e mais barata”, diz. O ano passado o ecommerce representava 2,8% dos 457 milhões de euros de receitas da Ikea Portugal.

A cadeia sueca quer ainda reduzir em 33% os custos de entrega de produtos para todo o país. “Atualmente, os preços de entregas dependem da zona do país. A estrutura é complexa e o objetivo é simplificar essa estrutura de preço”, justifica a diretora comercial.

Ao nível de entregas ao domicílio, a cadeia está ainda a analisar possibilidade de expandir a parceria com a EasytoGo a outras lojas. Até ao momento, a empresa assegura aos clientes da loja de Alfragide entregas no próprio dia. “Em Lisboa vamos ter na loja de Loures e estamos a discutir com eles (outras possibilidades de expansão). Depende do negócio (já que só trabalham em Lisboa)”, explica.

Michaela Quinlan faz um balanço positivo da loja temporária que a cadeia sueca abriu no final do ano passado no Fórum Sintra. “É algo que está a funcionar muito bem para nós, está a tornarmo-nos mais acessíveis na zona de Sintra”, afirma, sem adiantar resultados. “É um teste, fizemos uma loja temporária e vamos continuar”, diz. ” É algo que estamos a explorar”, diz apenas.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
Jogo Online é regulado desde 2015

Jogo Online atrai 100 mil novos apostadores a cada trimestre

Jogo Online é regulado desde 2015

Jogo Online atrai 100 mil novos apostadores a cada trimestre

O primeiro-ministro indigitado, António Costa, à chegada para uma audiência com o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, para apresentação da lista de nomes propostos para secretários de Estado do XXII Governo Constitucional, no Palácio de Belém, em Lisboa, 21 de outubro de 2019. RODRIGO ANTUNES/LUSA

Conheça os secretários de Estado do novo Governo

Outros conteúdos GMG
Ikea. Parceria com CTT para entregas “está a funcionar muito bem”