Minuto Imobiliário. Fale com um perito antes de comprar casa

Em parceria com o Dinheiro Vivo, todas as sextas-feiras, o consultor imobiliário José Cabral, especialista no mercado residencial da Grande Lisboa e autor do blogue A House in Lisbon, lança um vídeo de cerca de 60 segundos com dicas muito práticas sobre tudo o que é importante no mercado imobiliário. Esta é já a segunda série de episódios.

Antes de comprar uma casa, é essencial fazer visitas presenciais. Nos dias das visitas, deve levar uma lista de forma a ver com os seus próprios olhos se efetivamente o imóvel corresponde àquilo que pretende, se faz jus às fotografias e descrição disponibilizadas no anúncio.

É importante estar atento a todos os detalhes para que não tenha surpresas desagradáveis do futuro. O isolamento é bom? Há vestígios de humidade? As madeiras estão em bom estado? Se não percebe muito de construção, o melhor mesmo é levar alguém consigo para fazer esta análise. Um perito de preferência.

Deve ter especial atenção a questões como a qualidade e estado de conservação da fachada. É que os custos de manutenção e reparação são, normalmente, intervenções muito dispendiosas para os condomínios.

Deve também procurar patologias na construção, ou seja, defeitos, começando pelos aspetos mais gerais: fissuras, sinais de humidade e estado de conservação dos materiais.

Depois, é importante que seja mais minucioso: verifique o estado dos armários (em especial os da cozinha, pois são aqueles que mais rapidamente apresentem sinais de degradação), verifique o estado das instalações de água, gás e eletricidade. A ajuda de um profissional pode ser essencial nesta análise.

É também importante que averigue averiguar qual é a prestação do condomínio já que, em muitos casos, mesmo sem grandes espaços exteriores e infraestruturas (parques, piscina ou jardins), este custo pode atingir valores muito significativos. Veja também: Minuto imobiliário: Está à procura de casa? Tenha atenção ao condomínio

Se a casa é nova, deve tentar perceber junto da Câmara Municipal se a obra é legal e se possui Licença de Habitação, sendo que se o imóvel for de construção anterior a 1951 esta licença não é necessária.

No caso de o imóvel ser em segunda mão, seja diretamente ao proprietário ou através de uma agência imobiliária, deve averiguar se não existem ónus financeiros, fiscais ou de propriedade, isto é, penhoras, dívidas de IMI, hipotecas, herdeiros ou algum contrato de arrendamento ou usufruto por parte de terceiros. Pode fazê-lo consultando a Certidão de Teor na Conservatória do Registo Predial ou no Registo Predial Online, sendo que para averiguar ónus fiscais como IMI, deve dirigir-se diretamente a uma repartição das Finanças. E aproveite a oportunidade, porque é também nas Finanças que se pode inteirar de todos os impostos obrigatórios inerentes à aquisição do imóvel, incluindo a tarifa de saneamento aplicada ao município onde se localiza a casa.

Deve ainda consultar o Certificado Energético do imóvel para perceber a qualidade térmica do edifício e estar atento ao histórico do condomínio, consultando as atas e decisões tomadas. E ainda: Minuto imobiliário: O que ter em conta numa segunda visita a uma casa?

Veja aqui todos os episódios do Minuto Imobiliário.

Mais Notícias

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de