Indústria 4.0

ISQ cria ‘hub acelerador digital’ para pequenas e médias empresas

Pedro Matias é o presidente do ISQ
Pedro Matias é o presidente do ISQ

O projeto PME Digital visa dotar as empresas da informação e das competências necessárias para a economia digital

PME Digital é o mais recente projeto do ISQ que pretende apoiar as pequenas e médias empresas (PME) no seu caminho para a digitalização. O projeto, que inclui um hub acelerador digital, é oficialmente apresentado esta quinta-feira, dia 21 de junho, na Escola Superior de Media, Artes e Design do Instituto Politécnico do Porto, em Vila do Conde.

“Vivemos numa época de mudança de paradigma em todos os setores, incluindo o industrial. E o ISQ está preparado para dar um contributo sério e robusto tendo em conta o conhecimento que tem da indústria em Portugal e das PME portuguesas”, refere, em nota de imprensa, o presidente do ISQ, que lembra o país está a dinamizar ações nesta área na sequência da iniciativa Indústria 4.0 lançada pelo Governo em janeiro de 2017.

“Acelerar a adoção” da indústria 4.0. pelo tecido empresarial português é o principal objetivo do ISQ, que lembra que a quarta revolução industrial “será determinante” para a competitividade nacional. “Para isso queremos capacitar, dotar de informação e incrementar as competências empresariais das PME para a adoção de medidas, tecnologias e ferramentas i4.0, incentivando a aceleração da economia portuguesa para uma economia digital. Este processo decorrerá ao longo de dois anos”, explica Pedro Matias.

Dinamizado pelo ISQ e pelo Polo das Tecnologias da Informação e Comunicação e Eletrónica (TICE.PT), o projeto PME Digital conta ainda com o apoio da MOBINOV – Associação do Cluster Automóvel, da Associação Plataforma para a Construção Sustentável e da Associação Cluster Portugal Mineral Resources.

O primeiro passo, e que está já em curso, é a realização de um “diagnóstico atual sobre a maturidade digital” das PME das fileiras do automóvel, materiais, matérias-primas e comércio, bem como do grau de uso de ferramentas i4.0, de modo a permitir a identificação de possíveis soluções digitais e a demonstração dos benefícios da adoção de metodologias ou tecnologias da revolução digital.

Será, assim, criada um ‘HUB Acelerador Digital’, uma plataforma que funcionará como aglutinador de informação, de boas práticas e de projetos investigação e desenvolvimento, para promover o apoio às PME no âmbito da digitalização. A plataforma pretende facilitar a interação entre as empresas e o sistema científico e tecnológico, tendo em vista a troca de experiências e conhecimento e a promoção de práticas de cooperação.

O ISQ acredita, ainda, que a PME Digital “ajudará a compreender” as barreiras que se colocam à concretização das oportunidades identificadas, “retirando lições e recomendações” de forma a suportar a atuação futura dos parceiros ou outras partes interessadas no âmbito da temática do projeto.

“No final do projeto iremos disseminar de forma abrangente os resultados e conclusões como forma de alerta à comunidade empresarial para os fatores críticos de competitividade abordados, contribuindo assim para reduzir assimetrias de informação, facilitando escolhas estratégicas e estimulando a aceleração digital das PME”, sublinha Pedro Matias.

O encerramento do evento de lançamento PME Digital estará a cargo da secretária de Estado da Indústria, Ana Teresa Lehmann.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Hoje
José Vieira da Silva, ministro do Trabalho, e Mário Centeno, das Finanças. Fotografia: Mário Cruz/Lusa

Salário mínimo português é o nono mais baixo da Europa em poder de compra

Mario Draghi, presidente do Banco Central Europeu.  (EPA/RONALD WITTEK)

Compras do BCE chegam ao fim. Portugal ficou no fundo da lista

casas de lisboa

Moody’s. Há risco de irrealismo no preço das casas em Lisboa e Porto

Outros conteúdos GMG
Conteúdo TUI
ISQ cria ‘hub acelerador digital’ para pequenas e médias empresas