Construção e Imobiliário

Israelitas investem 100 milhões em Portugal até 2023

Fotografia: Direitos Reservados
Fotografia: Direitos Reservados

Grupo Taga-Urbanic prevê reabilitar cerca de 700 apartamentos, no Porto e em Lisboa, nos próximos cinco anos

O grupo israelita Taga-Urbanic tenciona investir cerca de 100 milhões de euros no imobiliário em Portugal, até 2023. Nos próximos cinco anos, o grupo conta ter 700 apartamentos reabilitados, tanto no Porto como em Lisboa, e vai avançar com a construção de dois novos projetos imobiliários no Porto: “João das Regras” e “Paraíso 49”, cuja obra foi entregue à construtora Gabriel Couto.

Depois de desenvolver projetos imobiliários e hoteleiros noutras cidades, como Londres ou Nova Iorque, o grupo israelita aposta agora em Portugal, onde já efetuou “mais de uma dezena de aquisições imobiliárias, entre terrenos e imóveis para construir e/ou reabilitar, sendo que esta foi apenas a primeira ronda de investimentos” no país, lê-se num comunicado.

No Porto, um dos novos projetos vai erguer-se na Rua João das Regras, focado em espaços residenciais de pequenas dimensões. O segundo será um edifício de habitação multifamiliar na Rua do Paraíso. Em ambas as situações serão mantidas as fachadas.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Presidente do Conselho de Finanças Públicas (CFP), Nazaré da Costa Cabral. MANUEL DE ALMEIDA/LUSA

Linhas de crédito anti-covid ainda podem vir a pesar muito nas contas públicas

Fotografia: Fábio Poço/Global Imagens

Apoio a rendas rejeitado devido a “falha” eletrónica

A ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Ana Mendes Godinho. RODRIGO ANTUNES/LUSA

Só 789 empresas mantiveram lay-off simplificado em agosto

Israelitas investem 100 milhões em Portugal até 2023