Italiana Eni vende 1% da Galp e encaixa 107 milhões de euros

A Eni já não tem, oficialmente, ações da Galp Energia. A empresa italiana anunciou ontem que vendeu a participação de 1% que ainda tinha na empresa portuguesa por um total de 107 milhões de euros.

Está, assim,

concluída uma série de operações montadas para se desfazer dos

33,34% que durante anos fizeram da empresa italiana uma das maiores

acionistas da Galp, a par da Amorim Energia.

Em comunicado, a Eni explica que a

venda das acções foi feita diariamente em bolsa, entre 5 de Maio e

18 de Junho, contudo, apesar de oficialmente já nada estar nas mãos

da companhia, ainda lhe restam 8% de obrigações convertíveis em

ações no final de 2015.

"No seguimento desta venda, a ENI detém

66.337.592 acções correspondentes a 8% do capital social da Galp

todas elas referentes a obrigações convertíveis em ações no

montante de 1.028 milhões de euros e com maturidade em 30 de

Novembro de 2015", pode ler-se no comunicado.

Nessa data, se os investidores que

detém as obrigações não quiserem ficar com as ações, a Eni

ficará com elas e terá depois de as vender. Quer isto dizer que, só

depois desta operação é que a empresa italiana deixará de vez de

ser acionista da Galp.

Recomendadas

Outros Conteúdos GMG

Patrocinado

Apoio de