Encomendas

Lidl instala cacifos com CTT para recolher as suas compras online

Foto: Lidl (DR)
Foto: Lidl (DR)

São os primeiros Cacifos 24h co-branded, ou seja, com ambas as marcas, Lidl e CTT, representadas na sua decoração.

Se faz compras online vai poder fazer a recolha da sua encomenda em lojas do Lidl, através do serviço Cacifos 24h dos CTT. O piloto será implementado em cinco lojas do retalhista alimentar, Oeiras (Algés), Montijo (Afonsoeiro), Braga (Avenida Robert Smith), Canidelo (Vila Nova de Gaia) e Gondomar (São Cosme), elevando para 16 o número de Cacifos 24h dos CTT, serviço existente desde 2018.

Estes são ainda os primeiros Cacifos 24h co-branded, ou seja, com ambas as marcas, Lidl e CTT, representadas na sua decoração.

“A conveniência exigida pelos consumidores dita a nossa atuação, pelo que estamos sempre atentos a soluções e novos serviços inovadores que possam satisfazer as suas necessidades. O serviço Cacifos 24h dos CTT, que agora passamos a disponibilizar em 5 lojas, num projeto piloto, está totalmente alinhado com a nossa estratégia de proximidade”, diz Ricardo Pereira, diretor do departamento de Aquisições do Lidl Portugal, citado em nota de imprensa.

Os cacifos serão instalados no exterior das lojas, estando por isso disponíveis 24h, independentemente do horário de funcionamento das mesmas.

“Esta solução surge como resposta a uma crescente necessidade manifestada pelos clientes de conveniência de local e horário na receção de objetos resultantes das compras eletrónicas, nomeadamente em horário pós-laboral. Com esta parceria, damos mais um passo na senda da construção e do desenvolvimento do e-commerce em Portugal”, refere Alberto Pimenta, diretor de e-commerce dos CTT.

Os cacifos podem ser usados como ponto de entrega – quando o retalhista online tem uma relação com os CTT ao nível das entregas, o consumidor pode escolher esta opção de entrega sem custos adicionais – ou como morada virtual de entrega. Neste último caso, o consumidor terá de selecionar o cacifo como ponto de entrega, tendo um custo de 1,50 euros/por envio. “Num primeiro momento o objeto é transportado até à morada do centro de processamento, pelo transportador associado à loja online onde o cliente fez a compra na internet. O objeto é aceite pelos CTT e é processado, mediante recolha do identificador único que cada cliente deve colocar no campo de morada. Após o processamento, e num segundo momento, o cliente recebe um e-mail a informar que o objeto foi processado e que em breve (por regra no dia seguinte) será colocado no Cacifo 24h identificado pelo cliente”, descrevem as empresas.

Quando o objeto é depositado no Cacifo 24h, o cliente recebe uma notificação com o PIN secreto que lhe permite levantar o objeto, numa das 5 lojas onde o piloto está instalado.

Comentários
Outras Notícias que lhe podem interessar
Outros conteúdos GMG
Hoje
Indústria do calçado. 
Fotografia: Miguel Pereira/Global Imagens

Portugal regressou ao Top 20 dos maiores produtores de calçado

Sonae Industria

Ações da Sonae Indústria e da Sonae Capital disparam após OPA da Efanor

Alexandre Meireles, presidente da ANJE. Fotografia:  Igor Martins / Global Imagens

ANJE teme que 2021 traga “grande vaga” de falências e desemprego

Lidl instala cacifos com CTT para recolher as suas compras online